Vasco não venceu como visitante e terá sequência fora para fugir da zona

Bruno Braz

Do UOL, no Rio de Janeiro

A segunda pior campanha como visitante no Campeonato Brasileiro. E será justamente atuando fora de casa – onde ainda não venceu - que o Vasco terá de reagir se quiser se livrar da zona de rebaixamento - hoje está um ponto acima do rebaixamento, na 16ª colocação. Dos seis próximos jogos, cinco serão longe de seus domínios.

O Cruzmaltino enfrenta neste domingo, às 19h, o Vitória, em Salvador (BA), onde tem um retrospecto ruim. Em seguida, encara o rival Flamengo em Brasília (DF), já que vendeu seu mando de campo. Na sequência, recebe o Bahia em casa e depois pega Santos, Paraná e Botafogo fora de casa.

No comando do clube há três partidas, o técnico Alberto Valentim perdeu todas e tem a missão de resolver o sistema defensivo, que já sofreu incríveis 77 gols na temporada, sendo a equipe mais vazada entre os clubes da Série A em 2018.

"Iremos reagir no trabalho do dia a dia, e eu acredito muito no meu trabalho, no elenco. Individualmente vamos reagir. Jogadores que precisam melhorar parte física, técnica, vamos recuperar jogadores que não estão aptos a jogar. Vamos recuperar com nosso trabalho na prática. O que eu vim fazer aqui no Vasco é um trabalho de qualidade. Vamos nos unir, estar fortes, temos de estar preparados para tomar umas porradas, mas temos de ser fortes", declarou o treinador.

Valentim destacou que tem vivido intensamente o Vasco para tentar tirar a equipe desta situação no Campeonato Brasileiro.

"Eu só não estou trabalhando quando estou dormindo, mas estou vivendo o Vasco nas horas que estou acordado. Tenho dormido muito pouco, para falar a verdade", disse.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos