Fora dos planos, Martín Rea pode deixar Atlético-MG sem nem entrar em campo

Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Bruno Cantini/Divulgação/Atlético-MG

    Martín Rea, zagueiro do Atlético-MG

    Martín Rea, zagueiro do Atlético-MG

Martín Rea chegou em 13 de agosto passado ao Atlético-MG. Contratado por empréstimo, o zagueiro que pertence ao Danubio, do Uruguai, ainda não entrou em campo e pode deixar a Cidade do Galo sem entrar em campo.

Fora dos planos de Levir Culpi para 2019, o defensor de 21 anos não deve permanecer em Belo Horizonte na temporada seguinte. A intenção da cúpula é tentar uma devolução do atleta ao Danubio sem novos custos. Autorizado pelo presidente Sérgio Sette Câmara, o diretor de futebol  Marques é quem buscará o acordo com o clube do exterior. Ele será auxiliado pelo vice-presidente Lásaro Cândido Cunha, especialista em direito desportivo.

Anunciado em 13 de agosto de 2018, Martín Rea poderia atuar em até 20 jogos da equipe. No entanto, Thiago Larghi, antigo treinador do time, e tampouco Levir Culpi, atual comandante do elenco, não aprovaram o futebol apresentado pelo gringo nas atividades.

Nas ausências de Leonardo Silva e Iago Maidana, que já ficaram suspensos com os dois técnicos, a opção foi por Gabriel. Martín Rea até foi ao banco de reservas em algumas oportunidades - revés para a Chapecoense e empate contra o América-MG -, mas jamais foi acionado. Ele não deve atuar no jogo contra o Botafogo, no próximo domingo (2), pela 38ª rodada do Brasileirão, no estádio Independência.

Embora esteja à disposição da comissão técnica, o uruguaio é tratado como a quinta opção para o setor. Além dos titulares Leonardo Silva e Iago Maidana, a comissão técnica ainda conta com Gabriel e Juninho antes do estrangeiro. O último também não teve chance de jogar sob a batuta de Levir Culpi.

Martín Rea ainda tem contrato com o Atlético até 30 de julho de 2019. O jogador está na Cidade do Galo por empréstimo e tem os direitos fixados. O valor, entretanto, não é revelado pela diretoria alvinegra.

A contratação do zagueiro de 21 anos foi conduzida por Alexandre Gallo, diretor de futebol do clube à época. O cartola foi demitido em outubro passado e viu Marques assumir a sua função de forma interina até dezembro de 2018.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos