Modric admite que não está no mesmo patamar de Messi e Cristiano Ronaldo

Do UOL, em São Paulo

  • Franck Fife/AFP

    Luka Modric recebeu a Bola de Ouro na última segunda-feira (3)

    Luka Modric recebeu a Bola de Ouro na última segunda-feira (3)

Luka Modric foi o grande vencedor da Bola de Ouro, entregue pela revista "France Football", na última segunda-feira (3), para premiar o melhor jogador do mundo. O croata quebrou a hegemonia de Cristiano Ronaldo e Lionel Messi, mas mesmo assim admitiu que não se sente no mesmo patamar que o português e o argentino.

Leia também:

"É histórico um jogador croata, representando um país pequeno, vencer a Bola de Ouro depois de Cristiano Ronaldo e Messi. São jogadores de outro nível. Ninguém tem o direito de ser comparado a eles. São os melhores da história no esporte. Estar atrás deles é incrível. Eu não acredito nem por um segundo que tudo isso tenha acabado para eles", disse Modric em entrevista à "France Football".

Modric também falou sobre as comparações que fazem entre ele e Johan Cruyff, considerado o melhor jogador de futebol da Europa no século 20.

"É uma grande honra essa comparação. Ele era um jogador incrível, além de ótimo treinador", disse.

Modric é o primeiro a vencer, no mesmo ano, os três maiores títulos individuais do futebol: Bola de Ouro, Jogador do Ano da Fifa e Jogador do Ano da Uefa.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos