Perícia indica falha mecânica em helicóptero na morte de dono do Leicester

Do UOL, em São Paulo (SP)

  • Catherine Ivill/Getty Images

    Vichai foi homenageado antes do início da partida entre Manchester City e Tottenham

    Vichai foi homenageado antes do início da partida entre Manchester City e Tottenham

Um relatório da Agência Inglesa de Investigação de Acidentes Aéreos (AAIB) indicou que o helicóptero que caiu e matou o dono do Leicester City, Vichai Srivaddhanaprabha, e mais 4 pessoas ficou fora de controle após um mecanismo apresentar problemas.

A AAIB constatou que os pedais da cabine do piloto se desconectaram do rotor da cauda - que é responsável pelo controle direcional de um helicóptero. A falha do sistema levou à mudança brusca, a aeronave girou de forma incontrolável e acabou caindo ao lado do King Power Stadium, estádio do Leicester, logo depois de levantar voo.

O helicóptero com Vichai caiu no dia 27 de outubro deste ano. Além do presidente, as outras vítimas foram Eric Swaffer (piloto), Isabela Lechowicz (co-pilota e mulher do piloto), Nursara  Suknamai (integrante do estafe de Vichai) e Kaveron Punpare (braço-direito do presidente).

Apesar de concluir que houve um erro mecânico que originou o acidente, a AAIB afirmou que as investigações sobre o caso continuam.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos