Topo

Futebol


Arrascaeta celebra ano no Cruzeiro e diz que sistema o atrapalha na seleção

EDUARDO CARMIM/AGÊNCIA O DIA/ESTADÃO CONTEÚDO
Imagem: EDUARDO CARMIM/AGÊNCIA O DIA/ESTADÃO CONTEÚDO

Do UOL, em São Paulo

2018-12-16T12:04:17

16/12/2018 12h04

Giorgian de Arrascaeta fez um balanço sobre a sua temporada em entrevista concedida ao jornal uruguaio "Ovación", publicada neste domingo (16). O meia afirmou ter cumprido todos os seus objetivos com o Cruzeiro e comemorou o bom desempenho com a camisa do time mineiro, mas revelou que seu rendimento na seleção uruguaia é prejudicado devido a forma da Celeste atuar.

Na Raposa, o armador teve um ano mágico, sendo um dos principais nomes do bicampeonato da Copa do Brasil. No Brasileirão, Arrascaeta se destacou e esteve presente na seleção do campeonato da CBF. Questionado sobre como avalia o seu ano, o jogador celebrou.

"Foi um grande ano que consegui junto com a equipe. Fomos capazes de cumprir todas as metas, vencendo a Copa do Brasil, que foi o que nos propusemos. Depois, chegaram as premiações individuais, as quais me encho de orgulho e compartilho com a equipe", falou.

Vestindo as cores da sua pátria, no entanto, Arrascaeta ainda não conseguiu se firmar. Segundo o jogador, o sistema extremamente defensivo da seleção uruguaia o deixa com menos liberdade para criar jogadas.

"O Uruguai tem grandes jogadores, mas às vezes tem um esquema que prejudica alguns jogadores mais do que outros. O Uruguai sempre teve uma caraterística histórica de defende e contra golpear mais do que jogar de maneira ofensiva e atacar. De repente, defendemos mais do que temos que defender", analisou o atleta de 24 anos.

Arrascaeta também comentou sobre a experiência de disputar uma Copa do Mundo, considerando algo extremamente positivo para a sua carreira.

"Fomos longe. Caímos para a França, um time muito forte, com grandes jogadores e Campeã Mundial. Me deu muita experiência, força e confiança para voltar ao Cruzeiro. Isso me ajudou muito a aprender e ficar mais forte para o clube", disse. 

Mais Futebol