Jogador do River Plate se aposenta e recebe mensagem de apoio de Maradona

Do UOL, em São Paulo

  • AFP PHOTO / Juan Mabromata

    Problemas no quadril obrigaram Rodrigo Mora a deixar o futebol aos 31 anos

    Problemas no quadril obrigaram Rodrigo Mora a deixar o futebol aos 31 anos

Rodrigo Mora, atacante uruguaio de 31 anos, anunciou no último domingo (6) seu adeus ao futebol. Jogador do River Plate, Mora passou por clubes como Benfica, Peñarol e Universidad de Chile, e decidiu abandonar os gramados em decorrência de uma lesão no quadril.

O que o agora ex-jogador talvez não esperasse era receber uma mensagem de Diego Maradona. Pois bem: em sua conta no Instagram, o ex-camisa 10 do Boca Juniors e da seleção argentina publicou um pequeno texto de apoio ao atacante nesta segunda-feira (7).

“Não nos conhecemos, Rodrigo Mora, mas falo como se te conhecesse. Nisto, não há cores de camisas e não há paixão envolvida. Quero apenas te dar meu apoio. Espero que você continue dentro do futebol, que não deixe de estar. Lute como eu lutei”, publicou Maradona.

“Tive uma (lesão) muito f..., mas a venci. Você tem toda a força do mundo. Por isso espero que este ano te dê o oposto do que está acontecendo com você. Te mando um grande abraço, uruguaio”, completou.

Em sua conta no Instagram, antes da mensagem de Maradona, Mora lamentou o anúncio do adeus ao futebol como “um dos dias mais tristes” da vida.

“Não posso continuar jogando futebol. Tenho um nó em meu peito e uma sensação impossível de ser explicada. Gostaria de me aposentar de outra maneira. Sei que momentos complicados vêm, com muitas decisões a serem tomadas... Mas hoje quero apenas agradecer a todos: a meu filho, minha família, meus amigos, meus companheiros, comissão técnica, dirigentes e torcedores por todo o amor e apoio que sempre me ofereceram”, escreveu.

UOL Cursos Online

Todos os cursos