Topo

Futebol


Após polêmica com Felipão, Colômbia deve fechar com técnico português

Hector Vivas/Getty Images
Carlos Queiroz comandou a seleção do Irã na Copa do Mundo Imagem: Hector Vivas/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

2019-01-10T13:01:34

10/01/2019 13h01

A Colômbia deve fechar com Carlos Queiroz para ser o novo comandante da seleção, de acordo com o jornal “Marca”. O acordo aconteceria após a disputa da Copa da Ásia, competição na qual o português treinará a seleção do Irã.

O iminente acordo surge depois da polêmica envolvendo Felipão. No final do ano passado, após a conquista do título brasileiro, o treinador recebeu sondagens da seleção da Colômbia e prometeu avaliar a situação. Ainda em 2018, porém, encaminhou sua permanência com a diretoria do Palmeiras e inclusive participou do planejamento para a atual temporada, avaliando o elenco e pedindo reforços.

Leia também:

Na última terça-feira (8), no entanto, o treinador afirmou que a Colômbia havia aumentado a proposta, mas que seu desejo seria permanecer no Palmeiras. A Federação Colombiano usou o Twitter horas depois para afirmar que não estava atrás do treinador palmeirense.

"A Federação Colombiana de Futebol se permite informar que não está buscando o treinador Luiz Felipe Scolari para dirigir a seleção nacional. Celebramos sua decisão de ficar no Palmeiras, já que aqui não tem nenhuma oferta de trabalho".

Felipão tem contrato com o Palmeiras até dezembro de 2020, mas a multa rescisória é de apenas um salário. Essa foi uma condição do comandante ao aceitar a proposta para retornar à Academia de Futebol pela terceira vez.

Mais Futebol