Topo

Flamengo

Presidente do Fla lamenta tragédia e promete apoio às famílias das vítimas

Do UOL, em São Paulo

2019-02-08T12:34:36

08/02/2019 12h34

O presidente do Flamengo, Rodolfo Landim, se pronunciou após o incêndio que atingiu o CT do time na manhã desta sexta-feira (8). O dirigente, que foi ao Ninho do Urubu no começo desta tarde e deu um breve pronunciamento aos jornalistas, disse que esta é a maior tragédia da história do clube e que não poupará esforços para tentar minimizar o sofrimento das famílias das vítimas.

"Queria dizer que estamos todos consternados. Essa é certamente a maior tragédia pelo qual o clube passou, com a perda dessas 10 pessoas. O mais importante agora é se dedicar a tentar minimizar o sofrimento das famílias, que certamente estão sofrendo muito. Podem estar certos que o Flamengo não vai poupar esforços para que isso seja minimizado ao máximo. O Flamengo também está colaborando com as autoridades. Ninguém mais do que nós tem mais interesse nisso. Por fim, dizer que todos do clube estamos de luto. É uma tristeza enorme que estamos sentindo. É o que posso falar para vocês", comentou.

Leia também:

O incêndio aconteceu nas primeiras horas desta sexta-feira. Os bombeiros foram acionados às 5h17 (de Brasília). O fogo atingiu a ala mais velha do CT, que servia de alojamento para as categorias de base do clube e recebia jogadores de 14 a 17 anos de idade. O local seria desativado e demolido nas próximas semanas.

Foram confirmados 10 mortos e três feridos. 

O Ninho do Urubu fica localizado no bairro de Vargem Grande, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, e é utilizado para treinamentos do elenco profissional e das categorias de base. O CT passou por uma reforma que terminou em novembro de 2018, com a inauguração de um módulo moderno para os profissionais. A ala utilizada pelos garotos seria desativada e demolida nas próximas semanas.