Topo

Esporte


Campeão mundial fala sobre Messi: "Gênio desnorteado. Ambiente hostil"

PIERRE-PHILIPPE MARCOU / AFP
Messi, durante partida entre Argentina e Venezuela Imagem: PIERRE-PHILIPPE MARCOU / AFP

Do UOL, em São Paulo

2019-03-23T14:23:20

23/03/2019 14h23

Campeão da Copa do Mundo de 1986 pela Argentina, Jorge Valdano escreveu hoje (23) sobre o desempenho de Lionel Messi na seleção. Após a derrota para a Venezuela por 3 a 1, o ex-jogador destacou que o talento do camisa 10 não consegue aparecer em um "ambiente hostil", caracterizando um "enorme desperdício" para a alviceleste.

De acordo com o consagrado atacante, Messi é um poço sem fundo de qualidades, mas o fato de ser formado para render no estilo de jogo do Barcelona impede que ele se consagre em uma formação diferente do habitual.

"Messi é um gênio, mas a La Masia é uma escola com um estilo tão definido que qualquer jogador que venha para o Barça parece um corpo estranho. E quem treinou na La Masia sofre quando chega a um time em que o futebol tem outras chaves", escreveu em sua coluna no "El País".

"No Barça, o jogo de Messi flui porque toda a equipe sabe como aumenta-lo. Na seleção argentina, o contexto é diferente. Provando evidências: é uma mentira que jogar ao lado de um gênio é fácil", continuou.

Em sua publicação, Valdano explica que não existe entrosamento entre Messi e os demais convocados, além de notar um péssimo ambiente na seleção, fator que mina o potencial do astro.

"No Barça, ele chega na hora certa para todas as bolas. Na seleção, ou chega antes ou chega mais tarde ou não sabe como conseguir. Um gênio desnorteado. Um ambiente hostil. Um enorme desperdício", finalizou o antigo craque.

Mais Esporte