Topo

Esporte


Jovens marcam e Itália estreia com vitória nas Eliminatórias da Euro

Barella abriu o placar para a Itália nas Eliminatórias da Euro - Andreas Solaro / AFP
Barella abriu o placar para a Itália nas Eliminatórias da Euro Imagem: Andreas Solaro / AFP

Do UOL, em São Paulo

23/03/2019 18h43

Após ficar fora da Copa do Mundo e ser eliminado precocemente na Liga das Nações, a Itália parece ter virado a página em 2019 e começou bem a sua caminhada por uma vaga na Eurocopa do ano que vem. Diante da sua torcida em Udine, os comandados de Roberto Mancini venceram a Finlândia por 2 a 0, gols dos jovens Bardelli e Kean.

O placar foi aberto com apenas sete minutos de jogo. A zaga finlandesa conseguiu cortar a bola erguida na área após cobrança de falta, mas não evitou o rebote do meia Barella, que pegou de primeira e mandou rasteiro para o gol de Hradecky.

Na metade da segunda etapa, Kean, de 19 anos, recebeu a bola enfiada por Immobile chutou com firmeza na saída do goleiro para marcar o seu primeiro gol com a camisa da Azurra e definir a vitória.

Com o resultado, a Itália lidera o Grupo J com três pontos, empatada com a Grécia e com a Bósnia, que venceram seus respectivos jogos por 1 a 0. O próximo compromisso italiano é na próxima terça contra Linchstentein. No mesmo dia, a derrotada Finlândia enfrenta a Armênia. Os dois melhores do grupo garantem classificação para o torneio europeu, que em 2020 terá 12 cidades-sede.

Fé no futuro

Numa mescla entre experiência e juventude, foram os novatos que brilharam pela Itália. Barella, meia de 22 anos que atua pelo Cagliari, abriu o placar ainda no começo do jogo com um belo rebote. Kean, revelação da Juventus de apenas 19 anos, não sentiu a pressão da estreia como titular, distribuiu bem a bola e não hesitou nas finalizações. Seu esforço foi recompensado com o segundo gol da partida na metade do segundo tempo.

Kean, de 19 anos, marcou o seu primeiro gol com a seleção italiana - Andreas Solaro / AFP
Kean, de 19 anos, marcou o seu primeiro gol com a seleção italiana
Imagem: Andreas Solaro / AFP

Camisa 10 pesou?

Bernardeschi ficou bem abaixo do que costuma apresentar na Juventus. Herdando a camisa 10 de Insigne, lesionado, o meia se esforçou, mas teve dificuldades para concluir bem suas jogadas. Falhou nos passes decisivos e exagerou na força em algumas das suas tentativas ao gol.

O Brasileiro

Jorginho, meia do Chelsea, seguiu o roteiro da seleção do seu país de origem e teve uma atuação bem apagada contra a Finlândia. O brasileiro naturalizado italiano jogou os 90 minutos, mas teve uma participação pouco efetiva na vitória. A exceção foi numa tabela com Immobile, mas que não chegou à finalização.

Susto!

Com apenas um minuto do segundo tempo, um lance deixou os finlandeses preocupados. Vaisanen subiu na bola para evitar o ataque italiano e chocou sua cabeça com a de Immobile. O zagueiro caiu na área e foi ajudado pela equipe médica. Ele voltou ao campo após o atendimento.

ITÁLIA 2 X 0 FINLÂNDIA

Data: 23/03/2019
Local: Estádio Friuli (Udine, Itália)
Hora: 16h45 (de Brasília)
Árbitro: Orel Grinfield (Israel)
Assistentes: Dvir Shimon e Roy Hassan (ambos de Israel)
Cartões Amarelos: Piccini, Verrati (ITA); Sparv (FIN)
Gols: Barella, aos 7 min do 1º T; Kean, aos 28 min do 2º T.

ITÁLIA: Donarumma; Biraghi, Chiellini, Bonucci e Piccini; Verratti, Jorginho e Barella; Bernardeschi, Immobile (Quagliarella) e Kean. TÉCNICO: Roberto Mancini.

FINLÂNDIA: Hradecky; Granlund, Toivio, Vaisanen, Arajuuri e Pirinen; Sparv, Lod, Kamara e Hamalainen (Lapalainen); Pukki. TÉCNICO: Markku Karneva.

Mais Esporte