Topo

Esporte


Exame mostra que lesão não é grave e Paquetá deve jogar em duas semanas

Emilio Andreoli/Getty Images
Imagem: Emilio Andreoli/Getty Images

Beatriz Cesarini e Ricardo Perrone

Do UOL, em São Paulo

2019-04-03T12:24:46

03/04/2019 12h24

Exames realizados nesta semana mostraram que a lesão no tornozelo direito de Lucas Paquetá não é tão grave quanto o imaginado. Em nota oficial, o Milan anunciou que o jogador sofreu um trauma de distorção de segundo grau no local e será reavaliado na próxima semana.

Segundo uma pessoa próxima ao jogador, ele deverá retornar aos gramados em cerca de duas semanas.

O quadro mais grave seria o de rompimento de três ligamentos do tornozelo direito. Apesar disso, os exames realizados pelo departamento médico do Milan não mostraram isso e, inicialmente, a expectativa é de uma recuperação mais rápida.

Paquetá ainda deverá passar por uma avaliação mais precisa na próxima semana.

Paquetá se lesionou no empate com a Udinese ontem. O lance da lesão aconteceu na parte final do primeiro tempo. Enquanto disputava uma bola, o brasileiro torceu o tornozelo e desabou no gramado reclamando de muitas dores. Ele foi substituído logo na sequência.

Ainda no fim do jogo, Paquetá deixou os torcedores preocupados, porque passou pela área de imprensa usando muletas e com o local da lesão enfaixado.

Mais Esporte