Topo

Corinthians

Comprar ingresso
Comprar ingresso

Só Cássio salva? Goleiro vira 'herói único' em oscilação corintiana

Siga o UOL Esporte no

Arthur Sandes e Leandro Miranda

Do UOL, em São Paulo

2019-04-15T04:00:00

15/04/2019 04h00

Até mesmo Fábio Carille admite que ainda falta regularidade ao Corinthians. O ataque oscila, a armação oscila, a defesa oscila. Só quem não tem má fase nunca é Cássio, goleiro que tem se acostumado a ser herói no mata-mata do Campeonato Paulista. Ontem, no 0 a 0 na final contra o São Paulo, ele pegou tudo mais uma vez e reforçou a função de "antídoto" contra os erros cometidos pelo Timão.

Ultimamente tem sido assim: o Corinthians fica devendo futebol, mas tem em Cássio a pedra fundamental de um bom resultado. É desse jeito que o Timão vai à finalíssima, no domingo (21), precisando de uma vitória simples para ser campeão paulista - ou um empate com vitória nos pênaltis, o que é impossível descartar pelo tamanho que o goleiro tem em decisões.

Ontem, a intervenção mais impressionante foi após cabeceio de Arboleda, pouco antes do intervalo. Cássio se enrosca com Everton na pequena área e se desequilibra, mesmo assim consegue impedir que a bola ultrapasse a linha. Parte do Morumbi chegou a comemorar o gol, de tão improvável que seria uma defesa ali. Mas teve.

"Fui empurrado, mas dei sorte porque a bola veio em cima de mim, depois bateu na trave e consegui empurrar [para fora]", disse Cássio sobre a primeira defesa.

Já no segundo tempo, aos 12 minutos, o goleiro corintiano voou para defender um chute de Hernanes que tinha destino certo (assista abaixo). Era um momento de pressão do São Paulo, que em seguida ainda teve boas chances com Nenê e Everton Felipe, mas Cássio tinha o corpo tão fechado que as duas finalizações nem chegaram perto do gol.

"Essa foi a mais difícil, porque a bola veio variando muito; o Hernanes bate muito bem na bola", elogiou Cássio ao passar pela zona mista.

Hernanes arrisca de longe, e Cássio espalma

Gols UOL Esporte

Só o Cássio salva?

Goleiro tem sido o único no Corinthians que tem jogado muito nas partidas mais importantes até aqui. Clayson tem ido bem, Gustagol é artilheiro, mas é Cássio o favorito da galera. Também, não é à toa: as recentes classificações contra Ferroviária, Santos e Ceará tiveram defesas fundamentais do camisa 12.

Alternativas não funcionam, e Jadson irrita a galera

Carille havia preparado duas mudanças na equipe. Ramiro e Jadson entraram nas vagas de Sornoza e Pedrinho com missão de dar maior posse de bola ao Corinthians e evitar o sufoco que o time havia passado contra o Santos, na semifinal. Em parte deu certo, não houve o tal sufoco; mas os efeitos das trocas não foram tão práticos quanto a teoria planejava. Jadson, por exemplo, ficou muito aquém do que a torcida esperava.

Qual foi a defesa mais bonita de Cássio na primeira final do Paulistão?

Resultado parcial

Total de 959 votos
66,53%
Marcello Zambrana/AGIF
33,47%
Marcello Zambrana/AGIF
Total de 959 votos