Topo

Flamengo

Primeiro pedido de suspensão de Bandeira de Mello é arquivado no Flamengo

Thiago Ribeiro/AGIF
Eduardo Bandeira de Mello escapou de um inquérito no Conselho Deliberativo do Flamengo Imagem: Thiago Ribeiro/AGIF

Vinicius Castro

Do UOL, no Rio de Janeiro

2019-04-16T13:28:13

16/04/2019 13h28

Alvo de alguns inquéritos e pedidos de impeachment antes de deixar a presidência do Flamengo, o ex-mandatário Eduardo Bandeira de Mello escapou da primeira suspensão no Conselho Deliberativo. O então cartola foi denunciado por usar o Rubro-negro em sua campanha política para deputado federal no segundo semestre do ano passado.

A ação dos conselheiros David Butter, Guilherme Salgado, Tulio Rodrigues e Francisco Miguel poderia resultar em suspensão por 365 dias ou expulsão do quadro social. O Conselho Deliberativo do Flamengo, no entanto, optou pelo arquivamento. Outro processo contra Bandeira permanece em curso. Esse, no no caso, trata da polêmica das cores no último pleito do clube.

Para ler esta notícia na íntegra, além de outras novidades dos bastidores da bola, acesse a coluna De Primeira.