Topo

Futebol


Lembra dele? Promessa que treinou no Barça volta ao Grêmio após dois anos

Divulgação/Grêmio FBPA
Manu era destaque na Escola de Futebol do Grêmio e recebeu convite para treinar no CT do Barcelona Imagem: Divulgação/Grêmio FBPA

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

2019-04-19T04:00:00

19/04/2019 04h00

Emanuel Ferreira, o Manu, está de volta ao Grêmio. Dois anos depois de trocar Porto Alegre por Barcelona e flertar com entrada nas categorias de base do clube catalão, a promessa (agora com 12 anos) voltou a vestir a camisa do time gaúcho durante torneio em Portugal. Os dirigentes da Escola de Futebol do Grêmio e a família, nesse momento, conversam sobre data de reapresentação no CT Cristal, no Rio Grande do Sul.

O Grêmio está disputando a Ibercup Cascais com reforço de Manu no time sub-13.

A diretoria do Grêmio encontrou Manu e família às vésperas do início do torneio em solo português. No encontro, foi acertada a inclusão do meia no elenco que disputa a Ibercup. O pai de Emanuel, José Ferreira, também deu ao clube gaúcho o sinal de que voltará ao Brasil.

Manu participou de uma partida da campanha do Grêmio, até agora, na Ibercup. Natural do Maranhão, o garoto entrou no decorrer do jogo contra o Pico da Pedra, de Portugal, e deu assistência para um dos 19 gols marcados pelo tricolor no duelo.

No perfil de Manu no Instagram, contudo, a participação no torneio e a volta ao Grêmio ainda não foram registradas. A última foto postada foi no início do mês, celebrando o aniversário de 13 anos. Na página, o garoto nunca publicou nenhuma imagem ligada a clubes.

Na Europa há dois anos, Manu passou por cidades da Espanha e depois se instalou em Portugal. Nos últimos meses, treinou em instalações do Benfica.

Em 2017, o Grêmio chegou a acionar a Fifa reclamando de aliciamento do Barcelona a Manu. A família e o garoto não apareceram mais no clube gaúcho após período de treinos na Espanha. O pai de Emanuel era funcionário do tricolor e pediu demissão. Em abril daquele ano, a família passou a morar na Europa e registrar o cotidiano na cidade catalã.

À época, Mazinho - tetracampeão com a seleção brasileira de 1994, negou que tenha intermediado a saída de Manu do Grêmio. Ele e André Cury, empresário com histórico de negociações envolvendo os catalães, negaram interesse do Barcelona na joia gremista. Ainda assim, o departamento jurídico do clube gaúcho reuniu provas e diz ter enviado ofício à Fifa.

Mais Futebol