Topo

Futebol


Dodô ameaça vaga de Egídio, e até o tipo de estádio vira critério para Mano

Vinnicius Silva/Cruzeiro
Imagem: Vinnicius Silva/Cruzeiro

Enrico Bruno

Do UOL, em Belo Horizonte

2019-04-23T04:00:00

23/04/2019 04h00

Acostumado a ver Egídio tomando conta da lateral esquerda, o torcedor do Cruzeiro se surpreendeu com a escalação de Dodô na final do último sábado, contra o Atlético-MG, quando a Raposa sagrou-se bicampeã mineira. Apesar da novidade, o jogador de 27 anos já vinha ameaçando o posto do veterano de 32 anos há mais tempo, e pode esquentar de vez a briga no setor de agora em diante. Enquanto isso, Mano avalia cuidadosamente as virtudes de cada um de acordo com as variáveis, e essa escolha pode passar até mesmo pelo tipo de estádio que o Cruzeiro vai jogar.

Após a conquista do Mineiro, Mano Menezes comentou sobre sua opção por Dodô naquele jogo. O treinador avaliou até a proximidade da torcida com o campo no Independência, dificultando para atletas que jogam mais abertos.

"A disputa começou nas últimas partidas. Até então o Dodô não tinha condição de disputar com o Egídio. Agora eu vejo que em determinados momentos ele nos dá uma consistência maior na linha de quatro jogadores. A escolha respeitou isso. Os lados são muito importantes no Independência. Tem a pressão nos jogadores que ficam aquecendo, e o lateral esquerdo joga um tempo ali do lado. A pressão é muito grande. Um jogador que está mais acostumado, porque jogou no futebol europeu, com uma linha de quatro mais fechada, nos daria uma segurança maior", comentou o treinador.

Em números, este início de ano mostrou como Egídio seguiu tomando conta do lado esquerdo mesmo com a chegada do concorrente de peso. Até aqui, o camisa 6 fez 15 dos 20 jogos do clube, sendo 14 na condição de titular, enquanto Dodô começou jogando apenas cinco vezes. Em gols e assistências, estão empatados. Cada um balançou as redes uma vez e contribuiu com dois passes que terminaram em gols.

O início do Brasileiro e partidas pontuais no mata-mata da Libertadores deverão dar novos sinais sobre o que está passando na cabeça do treinador. Para a partida de hoje, contra o Deportivo Lara, na Venezuela, o comandante já havia antecipado que pretendia trocar até cinco jogadores que atuaram contra o maior rival. Um deles deverá ser Dodô, que voltará ao banco de reservas.

DEPORTIVO LARA-VEN x CRUZEIRO

Motivo: 5ª rodada, grupo 2 da Libertadores
Data/Hora: 23/04/2019, às 17h (de Brasília)
Local: Estádio Metropolitano de Larae, Cadubare (Venezuela)
Árbitro: Gery Vargas (BOL)

DEPORTIVO LARA: Carlos Salazar; Jefre Vargas, Ignacio Anzola, Giácomo Di Giorgi e Leonardo Aponte; Jorge Yriarte, Bernaldo Manzano e David Centeno; Gonzalo Di Renzo, Lorenzo Frutos e Jaime Moreno. Técnico: Leonardo González.

CRUZEIRO: Fábio; Orejuela, Dedé, Leo e Egídio; Henrique e Lucas Silva; Rafinha, Thiago Neves e Marquinhos Gabriel; Fred. Técnico: Mano Menezes.

Mais Futebol