Topo

Fluminense

Flu encara Santa Cruz para esquecer 'trauma' de 2018 e de olho nos cofres

LUCAS MERÇON / FLUMINENSE F.C.
Gilberto comemora gol feito contra o Santa Cruz, no Maracanã Imagem: LUCAS MERÇON / FLUMINENSE F.C.

Do UOL, no Rio de Janeiro (RJ)

2019-04-25T04:00:00

25/04/2019 04h00

O Fluminense entra em campo contra o Santa Cruz, na noite desta quinta-feira, no Arruda, buscando encerrar o "trauma" na Copa do Brasil do ano passado e de olho nos cofres. Depois da vitória por 2 a 0 no Maracanã, o time de Fernando Diniz chega em vantagem nesta batalha por vaga nas oitavas de final da competição.

Na última temporada, após viver um bom começo, o Fluminense, comandado pelo então técnico Abel Braga, caiu na terceira fase da Copa do Brasil, quando encarou o Avaí - perdeu por 2 a 1 no Maracanã e por 1 a 0 na Ressacada. A eliminação, que aconteceu em momento importante da temporada, foi bastante dolorosa e teve um grande peso para o elenco. Prova disso foram as palavras do comandante.

"A gente lamenta muito, estamos todos tristes, eles estão muito tristes porque trabalharam muito. Às vezes você trabalha certo, às vezes trabalha errado. Hoje nos decepcionamos pela eliminação, mas não pela vontade, pela garra, pela luta. A gente sente na alma", disse, à época.

Dias depois, o Fluminense conseguiu conquistar a Taça Rio, em final contra o Botafogo, troféu efusivamente comemorado pelo comandante, que voltou a falar da vontade demonstrada pelo time. "Foi uma vitória da alma. Estamos competindo. Não nos achamos superior a ninguém, mas para ganhar da gente, vai de ter correr, ao menos, igual. A alma está sempre em primeiro lugar".

Agora, a história é diferente. A equipe tricolor chega ao Recife podendo até perder por um gol de diferença. Sem a principal contratação do ano - Ganso está lesionado -, Diniz busca a melhor forma para que o time possa continuar implementando o estilo de jogo que vem tendo e voltar ao Rio com a vaga e com o cofre mais cheio.

A classificação às oitavas de final vai representar mais R$ 2,4 milhões nos cofres do clube, que atravessa por dificuldades financeiras e, recentemente, teve de conviver com salários atrasados - o elenco chegou a se recusar a treinar devido ao problema.

SANTA CRUZ X FLUMINENSE

Local: Arruda, Recife (PE)
Hora: 21h30 (horário de Brasília)
Árbitro: Flavio Rodrigues de Souza (SP)
Auxiliares: Vitor Carmona Matestaine (SP) e Luiz Alberto Andrini Nogueira (SP)

Santa Cruz: Anderson; Marcos Martins, João Victor, William Alves e Carlos Renato; Charles, Italo, Henrique e Allan Dias; Dudu e Pipico
Técnico: Léston Júnior

Fluminense: Rodolfo; Gilberto, Matheus Ferraz, Nino e Caio Henrique; Airton, Bruno Silva e Léo Artur; Everaldo, Luciano e Yony Gonzalez
Técnico: Fernando Diniz