Topo

Fluminense

Lateral do Fluminense critica suposto racismo contra Yony durante partida

Do UOL, em São Paulo

2019-05-06T19:57:14

06/05/2019 19h57

O lateral Igor Julião, do Fluminense, criticou suposto racismo contra Yony González durante a vitória dos cariocas por 5 a 4 sobre o Grêmio, ontem, em duelo pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro.

Em sua conta no Twitter, o jogador compartilhou um trecho do vídeo dos bastidores da vitória tricolor. De acordo com a publicação, é possível ouvir gritos de "macaco" a Yony quando o jogador do Flu comemora seu segundo gol, que deu a vitória aos visitantes na Arena do Grêmio.

"A ascensão de classe que o esporte nos proporciona incomoda muita gente. O Futebol não pode ser o lugar que racistas, xenofóbicos, misóginos e homofóbicos vomitarão seus absurdos e ficarão impunes. Medidas precisam ser tomadas urgente", escreveu Julião.

Mais tarde, o Fluminense publicou uma mensagem também no Twitter lamentando o ocorrido: "O Fluminense sempre será contra qualquer tipo de discriminação. O esporte traz mensagens de união que não dão espaço ao preconceito. Um grande jogo entre dois gigantes não tem lugar para o racismo".

Na sequência, foi a vez do Grêmio também usar a rede social para afirmar que está apurando o episódio. "O Grêmio informa sua torcida e demais entes que tomou conhecimento do vídeo publicado nas redes sociais que sugere injúria racial contra o atleta Yony González, do Fluminense. O Clube está apurando o ocorrido e de antemão manifesta seu inteiro repúdio a todos os tipos de injúria", diz a equipe gaúcha.

Na partida de ontem, o Fluminense perdia por 3 a 0 e depois virou para 4 a 3. O Grêmio ainda buscou o empate, mas Yony fez o quinto dos cariocas nos acréscimos.

Errata: o texto foi atualizado
Ao contrário do publicado anteriormente, a acusação de Igor Julião não foi contra torcedores do Grêmio. O erro foi corrigido.
ESPN e Ei PLus

Assista a todos os jogos e programas de ESPN e El Plus sem TV a cabo.