Topo

Esporte


Virada do Tottenham reforça sucesso de visitantes no mata-mata da Champions

Adrian DENNIS / AFP
Tottenham perdeu por 1 a 0 em casa para o Ajax, mas venceu jogo de volta fora de virada por 3 a 2 Imagem: Adrian DENNIS / AFP

Do UOL, em São Paulo

2019-05-08T19:23:35

08/05/2019 19h23

O jogo em casa em um mata-mata é fundamental para qualquer equipe. Afinal, é a chance de contar com o apoio da torcida diante do adversário, certo?

Mas a edição 2018/2019 da Liga dos Campeões da Europa mostrou que jogar em busca de gols fora de casa é fundamental. A partir das oitavas de final, seis confrontos desafiaram a lógica e deram vagas a quem reverteu placares como visitante. Confira:

PSG 1 x 3 Manchester United

Nas oitavas de final, o Manchester United recebeu o Paris Saint-Germain em Old Trafford e perdeu por 2 a 0. No entanto, no jogo de volta em Paris, os comandados de Ole Gunnar Solskjaer deram o troco e venceram por 3 a 1, graças a um pênalti confirmado pelo VAR aos 44 min do segundo tempo. Marcus Rashford bateu e classificou o United.

Franck Fife/AFP
Imagem: Franck Fife/AFP

Real Madrid 1 x 4 Ajax

Ainda nas oitavas de final, o Real Madrid visitou o Ajax e venceu por 2 a 1, mostrando favoritismo na briga por uma vaga nas quartas. Só que o time holandês surpreendeu no Santiago Bernabéu e venceu por 4 a 1, em partida marcada pela lesão de Vinícius Júnior.

GABRIEL BOUYS / AFP
Imagem: GABRIEL BOUYS / AFP

Bayern de Munique 1 x 3 Liverpool

Mais uma pelas oitavas. No jogo de ida, o Bayern de Munique visitou o Liverpool e empatou por 0 a 0 - e, se não havia perdido, o time alemão corria o risco de ser eliminado em casa com qualquer empate com gols. Mas o que aconteceu foi ainda mais emblemático: vitória do Liverpool por 3 a 1 em plena Allianz Arena.

REUTERS/Michael Dalder
Imagem: REUTERS/Michael Dalder

Manchester City 4 x 3 Tottenham

Pelas quartas de final, um caso específico de um time que abriu a vantagem em casa, levou a virada fora e ainda reagiu a ponto de buscar a vaga. No duelo em questão, o Tottenham recebeu o Manchester City e venceu por 1 a 0 a ida. Na volta, um jogo maluco classificou os londrinos em Manchester. O City chegou a abrir 4 a 2, placar que lhe classificaria, mas levou o gol de Llorente no segundo tempo. Graças aos gols fora de casa, o Tottenham já avançava com o 4 a 3. Nos acréscimos, Sterling chegou a marcar o gol que daria a vaga ao City, mas o VAR anulou e confirmou os Spurs.

REUTERS/Phil Noble
Imagem: REUTERS/Phil Noble

Juventus 1 x 2 Ajax

De novo os holandeses, agora contra a Juventus. No jogo de ida em Amsterdã, o empate por 1 a 1 deixou os italianos em boa condição. Porém, fora de casa, o time de Erik ten Hag venceu por 2 a 1 e eliminou mais um favorito.

Alberto Lingria/Reuters
Imagem: Alberto Lingria/Reuters

Ajax 2 x 3 Tottenham

O duelo entre dois times que surpreenderam ao longo da Champions só poderia ficar marcado por uma reviravolta. O Ajax venceu o jogo de ida por 1 a 0 em Londres, e ainda abriu 2 a 0 em Amsterdã. Só que o Tottenham virou no segundo tempo e venceu por 3 a 2, graças a três gols de Lucas Moura; assim, avançou à final com os gols marcados fora de casa.

John Thys/AFP
Imagem: John Thys/AFP

Visitantes indigestos

Nas oitavas de final, o próprio Tottenham venceu o jogo de volta contra o Borussia Dortmund na Alemanha por 1 a 0, mas depois de também ter vencido em casa por 3 a 0. Na mesma fase, o Manchester City venceu o Schalke 04 na ida por 3 a 2 na Alemanha antes de fazer 7 a 0 em casa na volta.

Nos duelos das quartas, o Barcelona venceu o Manchester United na ida em Old Traford por 1 a 0 - depois, fez 3 a 0 no Camp Nou. Já o Liverpool fez 2 a 0 em casa sobre o Porto e selou a vaga com o 4 a 1 sobre os anfitriões em Portugal.

Mais Esporte