Topo

Esporte


Juventude e Grêmio empatam, e time de Renato chega a 3 jogos sem vitória

Jeremias Wernek

Do UOL, em Caxias do Sul (RS)

22/05/2019 23h22

Juventude e Grêmio não saíram do zero no estádio Alfredo Jaconi, hoje (22), no jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. A atuação do time gremista teve raros lampejos de criatividade, insuficientes para superar um adversário bem armado e dedicado à marcação. Com o placar, a equipe de Renato Gaúcho chega a três partidas sem vitória.

A última vitória do Grêmio foi pela Libertadores, conquistada sobre a Universidad Católica. Depois, houve empate com o Corinthians e derrota para o Ceará pelo Campeonato Brasileiro.

Com o placar de 0 a 0 em Caxias do Sul, quem vencer a segunda partida avança às quartas de final. Grêmio e Juventude voltam a se encontrar na quarta-feira (29), na Arena do Grêmio. Em caso de empate por qualquer placar, a decisão vai para os pênaltis.

Os dois times voltam a campo no sábado. O Grêmio recebe o Atlético-MG, pela sexta rodada do Brasileirão, às 19h (horário de Brasília). O Juventude também atua em Porto Alegre, mas contra o São José-POA, na quinta partida da Série C.

Quem foi bem: Everton

O expoente técnico do Grêmio não fez uma jornada à altura do status, mas foi quem mais levou perigo ao gol do Juventude. A melhor oportunidade do time fora de casa foi com o camisa 11, ainda no primeiro tempo, em chute rasteiro que o goleiro Marcelo Carné defendeu.

Quem decepcionou: André

O centroavante se mostrou dedicado, mas falhou outra vez na missão de concluir ou fazer pivô na frente da área. No segundo tempo, chegou a errar o tempo da bola e perder cruzamento dentro da pequena área.

Grêmio tem lampejos insuficientes

O Grêmio conseguiu dominar o jogo cedo, mas o volume não rendeu chances em série. Mesmo com as voltas de Maicon e Jean Pyerre, o time encontrou dificuldades para achar espaço e quebrar as linhas do Juventude. O primeiro tempo terminou com duas finalizações perigosas - uma com Everton, de fora da área, e outra no cabeceio de Juninho Capixaba.

Juventude se fecha bem

Aplicado ao máximo, o time caxiense fechou espaços e esperou o Grêmio. A estratégia de jogar no erro do time tricolor funcionou em certa medida. Denner desperdiçou grande chance dentro da área, e as outras chegadas ficaram centralizadas nas bolas paradas.

Grêmio pede pênalti em André

Na metade do segundo tempo, André saltou na área para tentar o cabeceio e caiu. Imediatamente o time inteiro do Grêmio reclamou pênalti. O árbitro Ricardo Marques Ribeiro não parou o jogo, e o lance foi revisto pelo VAR após falta cometida pelo Juventude. Apesar da revisão, a arbitragem de campo sequer foi chamada para assistir à jogada no monitor.

FICHA TÉCNICA
JUVENTUDE 0 X 0 GRÊMIO

Data e hora: 22/05/2019 (quarta-feira), às 21h30 (horário de Brasília)
Local: estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul (RS)
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG)
Auxiliares: Eduardo da Cruz (MS) e Sidmar Meurer (MG)
Cartões amarelos: João Paulo, Aprille, Paulo Sérgio (JUV); Alisson, Everton (GRE)
VAR: Igor Benevenuto (MG)

JUVENTUDE: Marcelo Carné; Vidal, Genilson, Sidimar e Eltinho; Aprille, João Paulo, John Lennon (Dalberto), Denner, Bruno Alves (Breno) e Braian Rodríguez
Técnico: Marquinhos Santos

GRÊMIO: Paulo Victor; Léo Moura, Geromel, Michel e Juninho Capixaba; Maicon, Matheus Henrique, Alisson (Pepê), Jean Pyerre (Thaciano) e Everton; André (Felipe Vizeu)
Técnico: Renato Gaúcho

Mais Esporte