Topo

Grêmio

Grêmio se apega a recesso da Copa América para atender 'vício' da torcida

Do UOL, em Porto Alegre

2019-06-09T04:00:00

09/06/2019 04h00

O Grêmio se apega, cada dia mais, ao recesso do futebol brasileiro durante a Copa América. Depois de vencer o Fortaleza e sair da zona do rebaixamento do Brasileirão, Renato Gaúcho chegou a afirmar que a torcida gremista se tornou viciada em boas atuações. Para o técnico, somente o período sem jogos pode fazer o time gaúcho voltar a atuar como antes.

Cheio de desfalques, o Grêmio também apresentou problemas físicos nas últimas semanas. No Campeonato Brasileiro, soma apenas duas vitórias depois de oito rodadas.

"A torcida do Grêmio, nem condeno ela, mas é preciso um pouco mais de paciência. Nos últimos três anos ela (torcida) está acostumada a ver grandes atuações, títulos. Somos culpados por viciar a torcida em grandes jogos. Bom futebol. Nem sempre dá para vencer e jogar bem", disse Renato.

Desde o início do Brasileirão, com a sucessão de jogos irregulares e atuações fracas, o Grêmio passou a projetar recuperação física durante a Copa América e retorno aos jogos oficiais com nível de outrora. Agora, o discurso segue. Reforçado por novos argumentos.

"A parada vai ser excelente para o Grêmio. Em todos os sentidos. Vamos dar gás maior na parte física, vamos ter todos à disposição. A cobrança é normal, mas é muito grande em cima de um grupo vencedor. As pessoas precisam entender que não existe jogo fácil e jogar sem oito jogadores aumenta a dificuldade", sustentou Renato Gaúcho.

Com oito pontos, o Grêmio saiu da zona de rebaixamento no Campeonato Brasileiro. O time volta a campo na quarta-feira, diante do Botafogo, fora de casa.