Topo

Futebol


Renato comemora vitória em cima do Botafogo com 'de tudo um pouco'

Do UOL, em Porto Alegre

2019-06-12T21:50:25

12/06/2019 21h50

Renato Gaúcho valorizou demais a vitória do Grêmio em cima do Botafogo, hoje (12), no Rio de Janeiro. Depois da partida, o treinador citou os desfalques e afirmou que a atuação gremista teve de tudo um pouco. Além de manter o modelo de jogo, que rendeu domínio e chances, houve garra e entrega para superar as baixas - inclusive forçando novos improvisos no duelo.

O gol da vitória do Grêmio foi marcado por Jean Pyerre, de falta, no segundo tempo.

"Ninguém tem cinco, seis, sete desfalques. Só o Grêmio. Temos um grupo, mas com todas essas ausências não temos entrosamento. O Grêmio teve mais posse de bola, mais situações de gol. O Grêmio tomou conta do jogo. Mesmo com todos os desfalques. O mais importante de tudo é que fizemos uma grande partida, contra o quarto colocado e na casa deles. Vocês sabem, não reclamo de desfalques. Tenho um grupo. Mas no momento do Grêmio, com todos os desfalques, o importante era conseguir os três pontos. E conseguimos, na casa deles", disse Renato Gaúcho.

Minutos antes da bola rolar, Geromel e Maicon sentiram desconforto muscular e foram vetados. Michel foi improvisado como zagueiro e Rômulo entrou no meio-campo. Durante a partida, Rodriguez sentiu dores no joelho e acabou sendo sacado. Com isso, Rômulo também foi para zaga e Darlan entrou. A partir daí veio o ingrediente adicional.

"Não foi só da superação, não. Enfrentamos o quarto colocado, o Grêmio dominou a partida. Além da posse, tivemos inúmeras oportunidades. Com todos esses desfalques… eu tenho um grupo, treino o grupo. Ah, foi na garra? Foi um pouco de tudo, mas o Grêmio não deixou de lado o jeito dele de jogar. O Grêmio veio aqui, com sete desfalques, e mesmo assim teve controle de jogo", comentou Renato.

O Grêmio fecha as nove rodadas do Campeonato Brasileiro com 11 pontos - três vitórias, dois empates e quatro derrotas. Depois da Copa América, o primeiro jogo do time deve ser pela Copa do Brasil. No Brasileirão, o próximo adversário é o Vasco, em Porto Alegre.

Mais Futebol