Topo

Futebol


Estreia da Copa América em Porto Alegre tem Arena vazia e vaias

Diego Vara/Reuters
Arena do Grêmio recebe público baixo para Venezuela x Peru pela Copa América Imagem: Diego Vara/Reuters

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

2019-06-16T04:00:00

16/06/2019 04h00

O primeiro jogo da Copa América em Porto Alegre não teve gols - ao menos que valessem, já que dois foram anulados pelo VAR. O empate por 0 a 0 entre Venezuela e Peru, ontem, pela primeira rodada do grupo A da competição, não agradou aos pouco mais de 13 mil presentes. Houve vaia depois do apito final e sobraram espaços na Arena do Grêmio.

O estádio do Tricolor tem capacidade para mais de 50 mil pessoas. E sobraram cadeiras vazias, principalmente no anel inferior e nas áreas VIP. Apenas onde os valores de ingressos eram mais baixos que havia presença realmente interessante de torcedores.

Com maioria de peruanos, os aficionados fizeram muita festa antes do jogo, cantaram o hino, entoaram suas músicas com a bola rolando e agradaram o comando da seleção.

"Isso não me surpreende porque eles nos apoiam sempre. Mesmo não tendo resultado, eles confiam em nós. O que podemos fazer é dar tudo em campo, tentar superar, melhorar, mas creio que confiam em nós, têm fé. Esperamos retribuir isso", disse o técnico Ricardo Gareca.

Mas nem todos ficaram satisfeitos. Ao fim do jogo, ecoaram vaias no estádio do Grêmio. Possivelmente de brasileiros, descontentes pelo espetáculo apresentado pelas duas seleções.

As vaias já haviam ocorrido na partida de estreia. Ao fim do primeiro tempo da vitória do Brasil por 3 a 0 sobre a Bolívia, os torcedores presentes no Morumbi também vaiaram. Na ocasião, cobrando melhor rendimento da seleção brasileira.

O próximo jogo da Copa América em Porto Alegre será entre Uruguai e Japão, na próxima quinta-feira às 20h (de Brasília). A expectativa é de público maior, pela proximidade entre o país vizinho e a capital gaúcha. Em algumas horas de viagem, torcedores uruguaios podem chegar ao Rio Grande do Sul de carro, por exemplo.

Mais Futebol