Topo

Seleção Brasileira


Rodada de hoje define rival do Brasil nas quartas; veja as 4 possibilidades

Seleção brasileira conhecerá adversário das quartas nesta segunda-feira - Thiago Calil/Agif
Seleção brasileira conhecerá adversário das quartas nesta segunda-feira Imagem: Thiago Calil/Agif

Do UOL, em São Paulo

24/06/2019 10h06

A definição do Grupo C da Copa América, com os duelos Chile x Uruguai e Equador x Japão às 20h (de Brasília) de hoje, fará com que finalmente o Brasil conheça o seu adversário nas quartas de final da competição. São quatro as possibilidades: Equador, Japão, Paraguai e Uruguai, sendo esta última seleção a rival mais improvável.

Como líder do Grupo A, a seleção comandada por Tite terá pela frente o melhor terceiro colocado considerando as chaves B e C do torneio. O Peru, já classificado como um dos melhores terceiros, não pode enfrentar o Brasil por ter disputado o mesmo grupo na primeira fase.

Veja abaixo as combinações para cada um dos possíveis adversários

Japão

Para enfrentar o Brasil, o Japão precisa vencer o Equador. Neste cenário de vitória, o país asiático tem uma remota chance de ficar em segundo e escapar dos donos da casa, mas para isso teria que torcer para uma derrota do Uruguai para o Chile e ainda reverter uma desvantagem de oito gols de saldo em relação aos uruguaios.

Equador

Uma vitória por qualquer placar contra o Japão coloca o Equador como adversário do Brasil, já que neste cenário o país chegará aos três pontos e será inevitavelmente o terceiro colocado do Grupo C, superando a campanha do Paraguai, terceiro melhor do Grupo B com dois pontos.

Paraguai

Depende de um empate entre Japão e Equador. Neste cenário, o Paraguai garantiria a vaga por ter melhor saldo de gols (-1 a -4 ) do que os japoneses na comparação entre os terceiros colocados do Grupo B e C, que teriam os mesmos dois pontos.

Uruguai

Adversário mais improvável do Brasil nas quartas, o Uruguai só ficará na terceira colocação do Grupo C caso perca para o Chile e o Japão vença o Equador, sendo que os placares dos jogos precisariam de forma combinada reverter a vantagem uruguaia atual de oito gols de saldo em relação aos japoneses. Ex. Japão 4 x 0 Equador e Chile 5 x 0 Uruguai.

Briga pelo primeiro lugar

Neste cenário, o duelo Chile x Uruguai define a primeira colocação do Grupo C e os outros dois confrontos das quartas de final. Os chilenos jogam pelo empate para garantir a liderança, o que colocaria o Peru - terceiro do Grupo A - em seu caminho.

O Uruguai, por sua vez, precisa vencer o jogo para ficar com o primeiro lugar e ser o adversário dos peruanos. Caso contrário, terá pela frente a Colômbia, melhor do Grupo B - desde que os uruguaios não percam a vantagem de oito gols de saldo para o Japão.

Mais Seleção Brasileira