Topo

Esporte


De Neymar a Buffon: veja as principais novelas da janela de transferências

ANNE-CHRISTINE POUJOULAT/AFP
Imagem: ANNE-CHRISTINE POUJOULAT/AFP

Do UOL, em São Paulo

01/07/2019 04h00

O mercado da bola promete ficar muito mais agitado a partir de hoje. Isso porque esta segunda-feira (1º de julho) marca o início da janela de transferências dos principais países do futebol europeu e algumas novelas que vêm se arrastando ao longo dos últimos meses podem finalmente ser concretizadas.

O UOL Esporte listou as principais negociações que devem movimentar os bastidores dos grandes clubes do Velho Continente.

Neymar

A possível volta de Neymar ao Barcelona é um dos destaques desta janela de transferências. O assunto ganhou força desde que o presidente do Paris Saint-Germain, Nasser Al Khelaifi, disse à revista France Football que ainda precisa ser convencido de que o craque brasileiro está aplicado em seu projeto para o clube. Pouco antes, o jornal L'Equipe publicou que o PSG estaria disposto a negociar o jogador.

A partir disso, a expectativa para um retorno de Neymar ao Barça cresceu. O próprio vice-presidente do clube catalão, Jordi Cardoner, disse publicamente que o jogador tem interesse em regressar ao Camp Nou. A imprensa espanhola, por sua vez, publicou que as partes já possuem um "acordo verbal".

Griezmann

Outra novela envolvendo o Barcelona é com o atacante Antoine Griezmann. O clube catalão tem sido apontado como destino do francês desde que ele anunciou que não permaneceria no Atlético de Madri, em maio. O negócio, no entanto, ainda não havia sido concretizado por conta da multa rescisória do jogador, que cai de 200 para 120 milhões de euros justamente nesta segunda-feira. A situação de Neymar também estaria impactando no acerto entre Griezmann e Barcelona.

David Aliaga/Getty Images
Imagem: David Aliaga/Getty Images

Manchester United, Manchester City, Real Madrid e Bayern de Munique também aparecem como interessados em contar com o atacante, mas o Barça lidera a corrida para um eventual acordo.

Pogba

Paul Pogba também deve buscar novos ares a partir da próxima temporada. O próprio jogador já admitiu publicamente que, após três anos no Manchester United, "pode ser um bom momento para um novo desafio". Nas últimas semanas, o meia francês tem sido apontado como grande desejo de Zidane no Real Madrid. De acordo com a imprensa espanhola, o clube merengue já teria iniciado uma operação para levar o francês ao Santiago Bernabéu. Além disso, a Juventus também aparece como possível destino para o jogador.

Buffon

Aos 41 anos, Gianluigi Buffon tem futuro incerto desde que anunciou a saída do PSG. O goleiro já declarou que procura "emoção" para a sequência da carreira e não descarta até mesmo uma aposentadoria. Em meio à indefinição, o veterano chegou a ser oferecido ao Fluminense. Além disso, uma volta ao futebol italiano também tem sido bastante especulada e conta com a Juventus, clube no qual o goleiro se consagrou durante a carreira, como um dos destinos apontados. Atalanta e Porto também são citados em um eventual acordo.

Thomas SAMSON / AFP
Imagem: Thomas SAMSON / AFP

Daniel Alves

Assim como Buffon, o lateral Daniel Alves também anunciou saída do PSG para a próxima temporada. O brasileiro deixou o clube francês após duas temporadas e deve definir o futuro ao término da Copa América. Desde que o jogador anunciou que estava livre no mercado, a imprensa espanhola passou a especular uma possível volta ao Barcelona. O jogador é ídolo do time catalão e tem prestígio com a torcida.

Aos 36 anos, Daniel Alves não cogita uma volta ao futebol brasileiro. O jogador já revelou contar com propostas para seguir atuando na Europa.

Eriksen

O dinamarquês Christian Eriksen é outro que cria expectativas de transferência nesta janela. O jogador já admitiu que pode deixar o Tottenham para "provar algo novo" na sequência da carreira. Neste cenário, o Real Madrid aparece como possível destino. O presidente do clube inglês, Daniel Levy, teria até oferecido o atleta ao clube espanhol, de acordo com o jornal Marca.

Isso, no entanto, não impede que o jogador permaneça na Inglaterra. O meia falou também que, caso não haja propostas interessantes, ele está disposto a negociar um novo vínculo com o Tottenham.

Mais Esporte