Topo

Seleção Brasileira


Tite esconde seleção e mostra ansiedade para clássico: "não dormi direito"

Tite concede entrevista antes de jogo entre Brasil e Argentina - Pedro Martins/Mowa Press
Tite concede entrevista antes de jogo entre Brasil e Argentina Imagem: Pedro Martins/Mowa Press

Danilo Lavieri, Marcel Rizzo, Thiago Fernandes e Pedro Lopes

Do UOL, em Belo Horizonte

01/07/2019 19h02

Tite não quis confirmar a escalação da seleção brasileira para enfrentar a Argentina amanhã, às 21h30, no Mineirão, pela semifinal da Copa América. O treinador foi questionado sobre as condições de Filipe Luís e divagou.

O lateral esquerdo, em tese, é a única dúvida entre os titulares, com Casemiro retomando seu lugar no meio-campo após cumprir a suspensão. A provável formação será a seguinte: Alisson, Daniel Alves, Marquinhos, Thiago Silva e Filipe Luís; Casemiro, Arthur e Philippe Coutinho; Everton, Gabriel Jesus e Roberto Firmino.

"Eu não vou falar nada do Filipe Luís. Não vou dar a escalação. Eu sei, mas não falou. Todos os atletas estão em condições, alguns mais avançados, outros trabalhamos um pouco menos", afirmou o treinador.

"O que determina se eu falo a escalação é meu feeling, a minha percepção. Contra o Paraguai, eu falei que o Allan ia jogar porque o Allan precisava disso, tinha que passar a confiança para ele. Agora, eu seguro em uma ou outra situação. E eu também não sou sempre o mesmo", completou.

Filipe Luís participou dos últimos dois treinos. Ontem, ele foi poupado do coletivo em campo reduzido. Hoje, nenhuma informação foi divulgada. Se ele não tiver condições, Alex Sandro será o titular.

Se prefere esconder a escalação, Tite não escondeu que tem vivido dias tensos. O comandante afirmou até que seu sono tem sido afetado.

"Ontem, eu não dormi direito. Não sou super-homem. Eu sou do mesmo jeito. Eu acordei 3h15 e fiquei pensando... Vamos trabalhar assim, vamos dar tal carga... É uma maluquice minha. Eu acordo e anoto, deixo de lado. Essa é a realidade do técnico. Ontem eu também conversei com a minha esposa e aí consegui dormir um pouco melhor depois", finalizou.

"Há dois dias, eu não consigo dormir. Agora você me faz essa pergunta (sobre estar a um jogo da final), não vou dormir de novo, cara!", disse ele aos risos. "Claro que eu tenho expectativa, eu sou humano, cara! A maior vitória que queremos é produzir o melhor, vencer com lealdade. Não pode ter subterfúgio, deixar o pé mais alto, usar da malandragem... Eu vou ganhar na lei do jogo! Vou ganhar sendo o melhor. Tendo orgulho do que pode produzir", finalizou.

Mais Seleção Brasileira