Topo

Seleção Brasileira


Final da Copa América testa Tite e nova geração da seleção brasileira

Daniel Alves em jogo da seleção brasileira contra a Argentina na semifinal da Copa América - Lucas Figueiredo/CBF
Daniel Alves em jogo da seleção brasileira contra a Argentina na semifinal da Copa América Imagem: Lucas Figueiredo/CBF

Danilo Lavieri, Marcel Rizzo e Pedro Lopes

Do UOL, no Rio

04/07/2019 04h00

A final da Copa América será uma novidade não só para Tite, que fará sua primeira decisão com a seleção brasileira, mas também para a maior parte do elenco convocado para a competição. Dos 23 jogadores que estarão no Maracanã, somente dois já estiveram em campo pelo Brasil para disputar uma taça: o capitão Daniel Alves e o zagueiro Thiago Silva.

O zagueiro Miranda, na Copa das Confederações de 2009, na África do Sul, e o lateral-esquerdo Filipe Luís, na Copa das Confederações de 2013, no Brasil, estavam nos elencos campeões, mas não entraram nas decisões. O restante do grupo é debutante em finais, em campo ou não.

"Vai ser emocionante jogar pela seleção uma final, dentro do Maracanã", disse o atacante Gabriel Jesus. Seu parceiro no ataque, Everton Cebolinha foi substituído no intervalo da semifinal contra a Argentina, dando lugar a Willian, mas espera estar em campo no domingo (7). "Quero jogar, é final, todo mundo espera essa chance", disse Everton.

Dani Alves vai para sua quarta final pelo Brasil, em nove torneios disputados. Ele foi campeão em todas elas, e marcando em uma: fez um nos 3 a 0 sobre a Argentina na decisão da Copa América de 2007, na Venezuela. Também foi campeão da Copa das Confederações de 2009, nos 3 a 2 sobre os EUA, e no mesmo torneio de 2013, nos 3 a 0 sobre a Espanha, no Maracanã, com Thiago Silva também em campo.

O Brasil bateu na trave em 2014, na Copa do Mundo do Brasil, quando chegou à semifinal -- e perdeu de 7 a 1 para a Alemanha, no Mineirão, jogo que entrou para a história. Daquele time, jogadores como Willian e Fernandinho estão novamente em 2019. O camisa 10, porém, não poderá disputar a final em decorrência de uma lesão. Ele foi convocado no lugar de Neymar, também cortado de lesão, outro que tinha histórico de final pela seleção brasileira.

O restante do elenco pode ser chamado de uma nova geração, encabeçada pelo goleiro Alisson, os volantes Casemiro e Arthur, Philippe Coutinho e os atacantes Everton Cebolinha, Gabriel Jesus e Roberto Firmino. Jesus teve a experiência de jogar uma final com a camisa do Brasil, dentro do Maracanã, mas era a seleção olímpica. O zagueiro Marquinhos também esteve nessa partida.

"É um elenco que demonstrou qualidade, vontade e vai repetir tudo isso na final", disse o volante Casemiro.

Errata: o texto foi atualizado
Diferentemente do que foi publicado, Willian não poderá disputar a final da Copa América, uma vez que está lesionado. A informação foi corrigida.
ESPN, Ei PLus e Fox Sports

Assista aos jogos e programas de ESPN, EI Plus e Fox Sports sem TV a cabo.

Mais Seleção Brasileira