Topo

Futebol


Contra "invicto", Inter testa força do Beira-Rio por maior feito pós-queda

Paolo Guerrero é arma do Inter contra o Palmeiras, hoje, no Beira-Rio - Ricardo Duarte/Inter
Paolo Guerrero é arma do Inter contra o Palmeiras, hoje, no Beira-Rio Imagem: Ricardo Duarte/Inter

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

17/07/2019 04h00

O Inter terá que fazer algo que jamais conseguiu para se classificar na Copa do Brasil. Marcar gols no Palmeiras de Felipão. Em três confrontos com o Verdão sob comando do pentacampeão, jamais a meta foi vazada. Na noite de hoje (17), às 21h30 (de Brasília), em compromisso de volta das quartas de final, é necessário dois ou mais de vantagem para avançar sem pênaltis. E a aposta é no bom rendimento como mandante.

Felipão assumiu o Palmeiras em julho de 2018. Teve três confrontos com o Inter: empate em 0 a 0 no Beira-Rio e duas vitórias por 1 a 0 no Allianz Parque. O time de Odair Hellmann jamais conseguiu marcar no adversário.

"Os jogos contra o Palmeiras do Felipão sempre são muito parelhos. Foram duas derrotas por um a zero e um empate em zero a zero. Jogos equilibrados, decididos em detalhes. Temos que marcar gols e acreditamos nisso", disse o lateral esquerdo Uendel.

E para romper esta sina, a aposta é na força como local. Foram 17 jogos oficiais no Beira-Rio em 2019. 13 vitórias, dois empates e duas derrotas, aproveitamento de 80,3%. A última derrota foi em março. Nos últimos 10 jogos, oito vitórias, dois empates. Em todo ano, nove vezes o placar necessário para bater o Palmeiras foi obtido.

"O Inter sempre foi forte no Beira-Rio, é histórico. E a gente tem conseguido fazer grandes jogos. Nos sentimos muito bem jogando em casa. É difícil falar a razão para isso. Jogamos bem pela atmosfera, desde quando chegamos ao estádio, entramos em campo, é muito positivo. Levamos isso para o campo, temos certeza que será uma noite especial para nós colorados e, com certeza, o Beira-Rio estará lotado e conseguiremos a classificação", afirmou o atleta.

Maior façanha após rebaixamento

Ir à semifinal da Copa do Brasil seria o maior feito do Inter após a passagem pela Série B em 2017. Até então, o Colorado foi terceiro no Brasileiro passado, finalista do Estadual, mas não conquistou títulos. Chegar entre os quatro melhores da competição eliminatória seria o mais perto de voltar a erguer taças nacionais para o time vermelho, algo que não ocorre desde 1992, exatamente com o torneio.

FICHA TÉCNICA
INTERNACIONAL X PALMEIRAS

Data e hora: 17/07/2019 (quarta-feira), às 21h30 (Brasília)
Local: estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)
Árbitro: Rafael Traci (SC)
Auxiliares: Bruno Boschilia (PR) e Rodrigo Figueiredo (RJ)
Árbitro de vídeo: Rodrigo D'Alonso Ferreira (SC)

INTERNACIONAL: Marcelo Lomba; Bruno, Rodrigo Moledo, Victor Cuesta e Uendel; Rodrigo Dourado, Edenílson, Patrick, D'Alessandro e Nico López; Paolo Guerrero.
Técnico: Odair Hellmann

PALMEIRAS: Weverton; Marcos Rocha, Luan, Gustavo Gómez e Diogo Barbosa; Felipe Melo, Bruno Henrique e Lucas Lima; Zé Rafael, Dudu e Deyverson.
Técnico: Luiz Felipe Scolari

Mais Futebol