Topo

Exames, especialista e São Paulo deram segurança a Botafogo por Biro Biro

Atacante Biro Biro treinava normalmente no estádio Nilton Santos antes de sofrer a arritmia cardíaca  - Vitor Silva/Botafogo
Atacante Biro Biro treinava normalmente no estádio Nilton Santos antes de sofrer a arritmia cardíaca Imagem: Vitor Silva/Botafogo

Alexandre Araújo, Bernardo Gentile e Bruno Braz

Do UOL, no Rio de Janeiro (RJ)

17/07/2019 04h00

Biro Biro "tinha tudo atestado para jogador futebol". É o que garantem pessoas envolvidas na transação do atleta do Morumbi para General Severiano. Antes da assinatura de contrato com o atacante, o Botafogo realizou exames médicos, conversou com Eduardo Saad - cardiologista que acompanhava o quadro do jogador de perto - e também com membros da diretoria e departamento médico do São Paulo, seu antigo clube. Em todas as conversas, o mesmo sinal positivo.

À diretoria alvinegra, foi apresentado ainda um laudo apontando que o problema que Biro Biro teve há cerca de um ano, quando estava no Shanghai Shenxin, da China, foi uma arritmia benigna, que não traria prejuízo algum à carreira. Após o episódio de ontem (16), porém, o jogador passará por uma bateria de exames para uma nova "investigação" e se chegue à conclusão do fator que causou o mal-estar no jogador no decorrer do trabalho no Nilton Santos.

De acordo com Eduardo Saad, que participou do procedimento cirúrgico no ano passado, é possível que o quadro tenha evoluído, mas, em um primeiro momento, está sendo adotada a cautela para que se possa ter respostas mais concretas.

Divulgação / Bloom Soccer
Imagem: Divulgação / Bloom Soccer

"É muito difícil afirmar neste momento (se isso pode prejudicar a carreira dele). Como falei, não temos ideia ainda do que exatamente causou esse mal-estar. É precipitado dizer que aconteceu A, B ou C de diagnóstico e que isso implica nisso ou naquilo. Temos de reinvestigá-lo. Até os exames que ele fez recentemente, ele não tinha nada de maligno no coração. Pode mudar? Pode, mas é muito cedo para falar alguma coisa", disse.

Saad foi também o responsável pela operação à qual foi submetido o técnico Abel Braga, que, em março teve de passar por uma ablação após se sentir mal no fim de um clássico entre Flamengo e Fluminense - ele comandava o time rubro-negro. Esse foi o mesmo procedimento ao qual Biro Biro passou na China.

Internamente, a cúpula do Botafogo demonstra paciência em relação ao assunto, no aguardo de resultados conclusivos para definir os próximos passos. Alguns membros do departamento de futebol, inclusive, estiveram no clínica ontem para que pudessem se inteirar sobre todo o processo que se encaminhará.

Biro Biro alinhou o acerto com o Alvinegro durante a paralisação para a disputa da Copa América e foi anunciado oficialmente há apenas sete dias. Ele chegou a viajar com o elenco para Belo Horizonte, onde foi realizada a partida contra o Cruzeiro, mas uma virose o tirou do duelo na última hora.

O atacante assinou com o São Paulo no começo da temporada, mas atuou em apenas duas partidas, contra Ponte Preta e Red Bull Brasil - ambos pelo Campeonato Paulista - somando 49 minutos em campo.

Biro Biro começou no Nova Iguaçu e chegou ao Fluminense ainda para a categoria Sub-18. Nas Laranjeiras, se profissionalizou e ganhou destaque. Em 2015, foi emprestado à Ponte Preta, antes de ser negociado com o Shanghai Shenxin. No começo deste ano, acertou com o Tricolor Paulista e, agora, defende o Botafogo.