Topo

Sampaoli sugere que Santos mude para SP durante obras do retrofit da Vila

Projeto de retrofit da Vila Belmiro, do Santos - Divulgação
Projeto de retrofit da Vila Belmiro, do Santos Imagem: Divulgação

Eder Traskini

Colaboração para o UOL, em Santos

20/07/2019 10h36

O técnico Jorge Sampaoli é a favor do projeto de retrofit da Vila Belmiro. No entanto, a hipótese de atuar entre um ano e um ano e meio longe do estádio do Santos assusta o treinador que fez uma sugestão inusitada: a mudança do Peixe para São Paulo durante o período de obras.

Para o argentino, o Santos só joga em casa quando atua na Vila e o fato de precisar subir para a capital paulista em todos os jogos com mando do Peixe assusta o comandante.

"O projeto é muito interessante, porque aumenta a Vila, que é a nossa casa. O Santos vai ter que tomar uma decisão. Se Santos muda para São Paulo, terá de mudar para outro centro de treinamento, porque ideia é estar no mesmo lugar onde joga. Na minha opinião, isso vai ser uma dificuldade. Jogar para nós em Santos é jogar em casa, jogar em São Paulo, é jogar em um lugar neutro, porque não somos de lá. Mas se mudarmos para São Paulo, jogaríamos no nosso lugar e aí as coisas mudariam", opinou Jorge Sampaoli.

O estádio do Santos passaria por reformas com intuito de modernização e aumento da capacidade. A ideia ainda está na fase de pré-projeto e foi recentemente apresentada ao Conselho Deliberativo do Santos, mas não votada. Depois de aprovado, o projeto demoraria cerca de um ano para ficar totalmente pronto e as obras levariam em torno de 12 a 18 meses.

Inicialmente o projeto aumentaria a capacidade do estádio para 20 mil pessoas, com reestruturação total de vestiários, área de imprensa, estacionamento para os ônibus das delegações e dois anéis de arquibancadas. O UOL Esporte entrevista com exclusividade o arquiteto Artur Katchborian, responsável pelo projeto, e trouxe todos os detalhes.