Topo
Comprar ingresso
Comprar ingresso

Como mudanças demais no elenco podem complicar Corinthians na Sul-Americana

Fábio Carille tem apenas três zagueiros à disposição para duelos contra o Wanderers (URU) - Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians
Fábio Carille tem apenas três zagueiros à disposição para duelos contra o Wanderers (URU) Imagem: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Arthur Sandes

Do UOL, em São Paulo

24/07/2019 04h00

O Corinthians encara o Montevideo Wanderers (URU) amanhã com apenas três zagueiros à disposição de Fábio Carille. O clube inscreveu Gil nesta fase da Copa Sul-Americana e ainda tem Manoel e Henrique, mas é só. Em vez de registrar João Victor na outra troca que poderia fazer para as oitavas de final, o Alvinegro preferiu o ponta direita Janderson - que nem treinou nesta semana.

Para esta fase o registro de Gil era óbvio; foi a presença de Janderson que surpreendeu. Ainda mais após o atacante ser "emprestado" ao time sub-20 nesta semana, o que lhe tirou dos treinos com o elenco principal. Na atual lista, ele é o único reserva de velocidade para os lados do campo - Everaldo é e desfalque porque jogou a competição pelo Fluminense.

Segundo o UOL Esporte apurou, trata-se de um risco calculado pela comissão técnica. Mas o cenário não deixa de ter algumas pontas soltas. Bruno Méndez não pode ser usado na Sul-Americana, pois já jogou a competição, justamente pelo Wanderers, e além disso está com o Uruguai no Pan-Americano. Outras opções recentes, Marllon e Pedro Henrique foram emprestados no meio do ano.

A lista de inscritos na Sul-Americana ainda tem outro detalhe: as trocas de nomes são limitadas a cada fase. Oito dos 29 jogadores inscritos originalmente já nem estão mais no clube, mas a Conmebol só permite cinco trocas até as oitavas de final (três na segunda fase, mais duas agora). Deste modo as opções de Carille estão reduzidas a 26 nomes - ou 25, afinal Ralf está lesionado. Justo Ralf, que poderia ser improvisado na zaga em caso de emergência.

Os problemas do Timão com a burocracia começaram logo na primeira fase, quando o clube perdeu a vaga destinada a Junior Urso porque não regularizou o jogador a tempo - daí os 29 inscritos, um a menos do que o usual. O elenco ainda estava em formação na época, mas o prazo obrigou Carille a relacionar os atletas que tinha em mãos (até Ángel Romero entrou nessa).

Um time inteiro deixou o clube desde então e alguns reforços chegaram, em uma rotação de atletas que foi superior às mudanças permitidas na Sul-Americana. As circunstâncias atropelaram o planejamento, e o resultado estará nos dois jogos contra o Wanderers (URU), nos quais só um zagueiro estará no banco de reservas. O duelo de ida, na Arena, ocorre às 21h30 (de Brasília) de amanhã, enquanto que a volta fica para a outra quinta-feira (1º), no mesmo horário, no Uruguai.