Topo

Botafogo pega Avaí para afastar crise e retomar planejamento de Barroca

Eduardo Barroca chegou ao Botafogo pouco antes do início do Campeonato Brasileiro - Vitor Silva/SSPress/Botafogo
Eduardo Barroca chegou ao Botafogo pouco antes do início do Campeonato Brasileiro Imagem: Vitor Silva/SSPress/Botafogo

Do UOL, no Rio de Janeiro (RJ)

04/08/2019 04h00

O Botafogo enfrenta o Avaí, hoje (4), na Ressacada, às 16h, tentando afastar a crise e fazer com que o técnico Eduardo Barroca possa voltar a "surfar boas ondas", cumprindo o planejamento que tinha traçado antes da paralisação. Desde o retorno da Copa América, a equipe alvinegra ainda não venceu, perdendo posição no Campeonato Brasileiro e sendo eliminada na Sul-Americana.

A questão é que o treinador, que assumiu a comando da equipe em meados de abril, na vaga do demitido Zé Ricardo, com o Brasileiro batendo à porta, via este período justamente como aquele em que poderia moldar o time com sua cara, depois de ser obrigado a dar respostas imediatas assim que chegou. Porém, os resultados adversos fizeram com que a necessidade de vitória fosse grande e o elenco voltasse a olhar o "próximo passo".

"Esses jogadores estão trabalhando muito forte, estão incomodados com os resultados de 2019 até aqui. Eles querem dar uma resposta. Para mim, isso é claro. (Elenco) Tem tentado reagir a todos os meus estímulos. Eles sabem da importância desses primeiros noves jogos antes da Copa América. Para, na parada, conseguirmos planejar a médio e longo prazo", disse Barroca, no começo de maio, após triunfo sobre o Bahia.

O Botafogo foi para a paralisação na sétima colocação do Brasileiro, a um ponto do G4, e classificado para as oitavas de final da Copa Sul-Americana. Agora, passados 20 dias desde o retorno, a temporada toma outros rumos, ligando o sinal de alerta. Neste período, empatou com o Cruzeiro, perdeu para o Santos e para o Flamengo, pelo Brasileiro, além de duas derrotas para o Atlético-MG, pela Sul-Americana.

Há mais um ponto. Diante das dificuldades financeiras, a diretoria ainda busca alternativas no mercado para suprir carências no elenco enxuto. Recentemente, o atacante Erik, um dos principais nomes do esquema, deixou General Severiano rumo ao futebol japonês. Biro Biro, que poderia suprir a vaga, ainda está afastado depois de ter apontado um problema cardíaco durante um treinamento.

O clube esteve perto de dois reforços - o atacante Nicolás Blandi, do San Lorenzo, da Argentina, e o zagueiro Dário Aimar, do Barcelona de Guayaquil, do Equador -, mas o encerramento da janela de transferências para jogadores vindos do exterior impediu a concretização dos acertos.

Neste cenário, o jogo com o Avaí ganhou uma importância ainda maior para que elenco e comissão técnica possam ter mais tranquilidade nos dias a seguir.

Ficha técnica

Avaí x Botafogo

Local: Ressacada, em Florianópolis (SC)
Data e hora: 4 de agosto de 2019, às 16h (de Brasília)
Competição: Campeonato Brasileiro
Árbitro: Vinicius Furlan (SP)
Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis (SP) e Daniel Paulo Ziolli (SP)
Árbitro de vídeo: Igor Junio Benevenuto Oliveira (MG)

Avaí
Lucas Frigeri, Léo, Betão, Marquinhos Silva, Paulinho (Igor Fernandes); Pedro Castro, Richard Franco; Gustavo Ferrareis, João Paulo, Bruno Sávio; Lourenço. Técnico: Alberto Valentim

Botafogo
Gatito Fernández; Marcinho, Marcelo Benevenuto, Gabriel, Gilson; Cícero, Alex Santana, João Paulo; Rodrigo Pimpão, Diego Souza, Luiz Fernando. Técnico: Eduardo Barroca