Topo

Inter inicia movimento contra convocação de Guerrero para amistosos do Peru

Do UOL, em Porto Alegre

08/08/2019 04h00

O Internacional quer evitar que Paolo Guerrero desfalque o time no jogo de volta da semifinal da Copa do Brasil. Se for convocado pelo técnico Ricardo Gareca para os dois amistosos da seleção do Peru na próxima data Fifa, o centroavante perderá a partida que vale vaga na decisão.

O Peru encara o Equador no dia 5 de setembro e o Brasil no dia 10. Como se trata de data Fifa, os clubes são obrigados a liberarem os jogadores chamados para as seleções. Os encontros ocorrerão nos Estados Unidos.

Paolo Guerrero perderia, então, o jogo de volta da fase semifinal, marcado para dia 4 de setembro, entre Inter e Cruzeiro, no Beira-Rio. No jogo de ida, ontem, o Colorado venceu por 1 a 0 no Mineirão.

"Alguns movimentos já foram feitos, mas não entrei em contato com o presidente da Federação Peruana de Futebol. Vamos tratar disso nos próximos dias. O jogador tem vontade de jogar a semifinal, estamos trabalhando neste sentido", disse o presidente do Inter, Marcelo Medeiros. "Estamos conversando e teremos outras conversas. Com Conmebol, CBF, seleção peruana, vamos fazer de tudo para não termos um grande prejuízo com a perda de um atleta tão importante", completou o vice de futebol Roberto Melo.

Nos próximos dias, o mandatário do clube gaúcho entrará em contato com a entidade solicitando oficialmente que Guerrero não seja chamado. Nos bastidores, a liberação é considerada complicada, pois se trata do principal jogador da seleção.

O Internacional encara o Corinthians, domingo, às 11h (de Brasília), pelo Campeonato Brasileiro.