Topo

Futebol


Cruzeiro empata com Avaí com gol de Sassá validado pelo VAR nos acréscimos

Do UOL, em Belo Horizonte

11/08/2019 18h02

Avaí e Cruzeiro empataram por 2 a 2 na tarde de hoje com um gol de Sassá já nos acréscimos da partida. O time mandante chegou a abrir vantagem duas vezes, com gols de Pedro Castro e Brenner. No entanto, sofreu a igualdade em duas oportunidades, com gols de Pedro Rocha e Sassá.

Com o resultado, o time catarinense segue sem vencer na atual edição do torneio nacional e tem apenas seis pontos, na lanterna. A Raposa está na 17ª posição, com 11. O Fluminense é o primeiro fora da zona de rebaixamento, com 12.

O Cruzeiro enfrentará o Santos em 18 de agosto, às 16h (de Brasília), no Mineirão, na próxima rodada. O Avaí jogará no mesmo dia, às 19h (de Brasília), contra a Chapecoense.

Quem foi bem: Pedro Castro e Pedro Rocha

Autor do gol do Avaí, Pedro Castro foi o principal nome do time mandante no jogo. O meio-campista, além de ter aproveitado ótima cobrança de falta de Lourenço, foi muito bem no meio de campo. Ele neutralizou Robinho no setor e impediu que o visitante criasse boas chances de balançar as redes.

Pedro Rocha já vinha bem em campo antes de estufar a rede de Vladimir. O gol foi a cereja do bolo de uma ótima atuação na Ressacada. Ele já havia levado perigo à meta adversária em algumas oportunidades antes do tento assinalado. No lance do gol, ele aproveitou rebote em finalização de Marquinhos Gabriel.

Quem foi mal: Egídio

O lateral esquerdo do Cruzeiro voltou a falhar em uma partida do Cruzeiro na temporada. O dono da camisa 6 errou no lance que culminou no gol de Pedro Castro, ainda no primeiro tempo. Ele deixou o meio-campista livre de marcação para estufar a rede de Fábio aos 23 minutos da primeira etapa. O jogador ainda cometeu pênalti em Caio Paulista aos 27 do segundo tempo.

Substituto de Fred, Sassá marca um irregular e outro validado

Sassá foi o escolhido de Ricardo Resende, interino do Cruzeiro, para a vaga de Fred, suspenso. O centroavante teve que estufar as redes adversárias em duas oportunidades para garantir um. Em um dos lances, ele estava em posição irregular, conforme análise feita pelo árbitro de vídeo. No segundo, ele aproveitou vacilo da defesa para bater no canto e marcar. .

Avaí comanda o meio-campo e tem dificuldade na conclusão

Mesmo com os dois gols feitos na tarde de hoje, o Avaí viu dificuldade para levar perigo à meta de Fábio. O time de Alberto Valentim dominou o meio de campo. No entanto, viu complicações para chegar à área. A defesa do time mineiro foi o principal motivo para a dificuldade do mandante do jogo.

Cruzeiro aposta em cruzamentos e chutes de longa distância

O Cruzeiro chegou com uma postura muito parecida com a adotada por Mano Menezes, seu ex-treinador. Fechado na defesa, o time mineiro tentou levar perigo ao gol adversário por meio de finalizações de longa distância e cruzamentos. Pedro Rocha e Marquinhos Gabriel foram os mais usados nesta forma de atuar. Porém, ambos encontraram dificuldades para achar Sassá, preso na marcação dos zagueiros rivais.

Brenner marca de pênalti após análise do VAR

O centroavante do Avaí estufou a rede de Fábio em cobrança de pênalti na tarde de hoje. O lance, que contou com atuação do VAR, foi assinalado após dividida entre Egídio e Caio Paulista. O árbitro já havia assinalado pênalti. No entanto, precisou do vídeo para confirmar o local exato da jogada. Havia reclamação sobre o lance ocorrer fora da área.

Edilson é expulso por reclamação em revés do Cruzeiro

Edilson cometeu um erro crasso na derrota do Cruzeiro para o Avaí, na tarde de hoje. De volta ao time após lesão de Orejuela, o lateral direito foi expulso por reclamação contra a arbitragem. Ele se irritou com as escolhas do árbitro e foi à loucura às margens do campo. O fato culminou em seu segundo cartão amarelo e a expulsão imediata.

Ficha técnica
Avaí 2 x 2 Cruzeiro

Motivo: 14ª rodada do Brasileirão
Local: Ressacada, em Florianópolis (SC)
Data: 11 de agosto de 2019 (domingo)
Horário: às 16h (de Brasília)
Árbitro: Marielson Alves Silva

Cartão amarelo: Vladimir, Douglas (Avaí); Robinho, Edilson (Cruzeiro)

Cartão vermelho: Edilson (Cruzeiro); Léo (Avaí)

Gols: Pedro Castro - 23'/1ºT (1-0); Pedro Rocha - 17'/2ºT (1-1); Brenner - 30'/2ºT (2-1); Sassá - 48'/2ºT (2-2)

Avaí
Vladimir; Léo (Iury), Betão, Marquinhos e Paulinho Oliveira; Pedro Castro, João Paulo e Richard Franco; Lourenço (Caio Paulista), Brenner e Bruno Sávio (Douglas).
Técnico: Alberto Valentim.

Cruzeiro
Fábio; Orejuela (Edilson), Dedé, Léo e Egídio (Dodô); Henrique, Ariel Cabral (David), Marquinhos Gabriel, Robinho e Pedro Rocha; Sassá.
Técnico: Ricardo Resende (interino).

Errata: o texto foi atualizado
Ao contrário do que foi informado na ficha técnica, a partida entre Avaí e Cruzeiro terminou empatada em 2 a 2.
ESPN, Ei PLus e Fox Sports

Assista aos jogos e programas de ESPN, EI Plus e Fox Sports sem TV a cabo.

Mais Futebol