Topo

Brasileirão - 2019


Felipão vê expulsão justa de Felipe Melo e repreende: "Não pode acontecer"

Do UOL, em São Paulo

11/08/2019 19h09

Expulso no fim do primeiro tempo do empate por 2 a 2 entre Palmeiras e Bahia, hoje (11), no Allianz Parque, Felipe Melo mudou a postura de seu time em campo e deixou a equipe com um jogador a menos durante todo o segundo tempo. Em entrevista coletiva, o técnico Luiz Felipe Scolari repreendeu o volante.

"Felipe estava administrando situações normais de lance, de levar um cartão amarelo, cinco, seis cartões em uma competição. Hoje, a falta que ele fez era nítida, pra ser expulso. Isso não pode acontecer, já conversamos, vamos conversar novamente, mostrar o vídeo, ver o por que daquilo. Discutir para que a gente tenha uma normalidade maior do que já vinha tendo", ponderou Felipão.

Com o Palmeiras à frente no placar, Felipe Melo foi no corpo do atacante Lucca em dividida entre o jogador do Bahia e o lateral Diogo Barbosa e levou o cartão vermelho. Na volta do intervalo, Felipão promoveu a entrada do volante Thiago Santos para procurar fechar o time, mas o Palmeiras sofreu dois gols, anotados por Gilberto, de pênalti, e ficou no empate por 2 a 2.

Na sumula do jogo, o árbitro Igor Benevenuto justificou a expulsão de Felipe Melo. "Golpear ou tentar golpear um adversário com uso de força excessiva na disputa da bola. Por golpear com o braço, o rosto do seu adversário, com o uso de força excessiva, na disputa de bola".

Questionado sobre a performance do árbitro e da equipe de arbitragem, Felipão preferiu não entrar na polêmica. Benevenuto assinalou dois pênaltis para o Bahia no segundo tempo, após confirmar ambos os lances junto ao Árbitro de Vídeo (VAR).

"O VAR tá ai pra melhorar ou piorar, pra ter problemas ou não. VAR tá aí, foi institucionalizado, um dia, acham pêlo em ovo em um lado, outro dia no outro lado. É assim. Tem que ficar quieto e esperar que as coisas evoluam de tal forma que a gente possa ter certeza. Vai evoluir, como está lá na Inglaterra e em outros países", afirmou Felipão.

Com o resultado, o Palmeiras deixou de encostar no Santos, atual líder da competição. Agora, o Verdão soma 29 pontos, contra 32 do Peixe. Na próxima rodada, a equipe enfrenta o Grêmio, no sábado (17).

Confira outras respostas de Felipão:

Luiz Adriano - Entrada do Adriano dá uma qualidade a mais, um sistema diferente de bola trabalhada. No final, foi bom. Eu gostei da equipe

Pênalti de Luan - Mesmo que eu diga que acho que não foi, não vai mudar nada. Se não adianta, não adianta. Desempenho do time foi bom e era muito bom até a expulsão do Felipe. Depois, ficou bom porque conseguimos fazer a virada para 2 a 1. Com um jogador a menos, é mais difícil.

Disputa por título - Sempre colocamos que os clubes no Brasil, no mínimo, temos oito equipes disputando o título. Diferente de outros países. Tivemos uma arrancada boa, depois tivemos esse problema do Felipe, que prejudicou. Hoje é o 14º jogo, se ganhássemos, estaríamos um ponto acima do que planejamos. Como empatamos, estamos um abaixo. Vai ser um campeonato disputado até o final. Quem estava em quinto ou sexto, vem subindo. Será bem equilibrado até o final.

Errata: o texto foi atualizado
Ao contrário do que publicado anteriormente, Felipe Melo foi expulso no fim do primeiro tempo e o Palmeiras ficou com um a menos durante todo o segundo tempo. O erro foi corrigido.
ESPN, Ei PLus e Fox Sports

Assista aos jogos e programas de ESPN, EI Plus e Fox Sports sem TV a cabo.