Topo

Atacante Lucão é apresentado no Fluminense: 'Um sonho que se realiza'

Lucão recebe camisa do Fluminense das mãos de Celso Barros - FOTO DE LUCAS MERÇON/ FLUMINENSE FC
Lucão recebe camisa do Fluminense das mãos de Celso Barros Imagem: FOTO DE LUCAS MERÇON/ FLUMINENSE FC

Caio Blois

Do UOL, no Rio de Janeiro (RJ)

13/08/2019 13h48

O Fluminense apresentou, no começo da tarde de hoje (13), mais um reforço para a temporada. O atacante Lucão, vice-artilheiro da Série B do Campeonato Brasileiro em 2018 pelo Goiás, com 16 gols, será mais uma arma para o time do técnico Fernando Diniz.

"Muito orgulho de estar aqui. Para mim e para o futebol brasileiro, o Fluminense é incomparável. É o clube que está abrindo as portas para mim e é uma honra estar aqui. O peso da camisa todos conhecem. Pretendo fazer o meu melhor para retribuir a oportunidade".

Apesar de chegar para uma posição já com muitas opções, Lucão é um projeto do Flu para os próximos anos. O atacante assinou contrato até o fim de 2020.

"Pedro machucou, João Pedro deve sair no final do ano, então já temos que pensar para frente em relação ao setor. Foi uma oportunidade que surgiu e estamos muito felizes com ele. Gosta de fazer gol, que é fundamental, e venho dar as boas vindas a ele", disse o vice geral Celso Barros.

Questionado sobre o início da carreira, o centroavante lembrou o passado em uma escolinha do Tricolor em Brasília, onde deu os primeiros passos no futebol.

"Na minha infância passei por várias escolinhas até chegar na do Fluminense. Sempre monitoravam, traziam para fazer testes, mas não tive oportunidade. Tive a sorte do mundo girar, coisas acontecerem e hoje estou aqui como profissional. É um sonho que se realiza. Não tenho nem palavras. Demora a cair a ficha, mas estou muito feliz".

No Fluminense, Lucão vestirá a camisa 12, que é ocupada por jogadores de linha desde a saída de Diego Cavalieri, em respeito à sua história no clube. Mesmo cercado por certa desconfiança, ele confia que ajudará o clube a sair da atual situação. Com 12 pontos, o Tricolor é o 16º colocado do Campeonato Brasileiro.

"Em todo lugar, quando você chega num momento que não é o melhor, vai haver contestação. Eu sou um guerreiro da bola. Essas coisas só me motivam. Venho aqui motivado, só penso em dar certo. Não aceito falhas. Lutei muito para estar aqui. Peço para que acreditem no clube, nos atletas, na comissão, porque a energia boa nos ajuda. No Goiás cheguei contestado também e fiz ótima Série B. Aqui me senti melhor, o ambiente é bom, a pressão e a desconfiança são normais. Não me atingem. Vou conquistar meu espaço aos poucos com muito trabalho. Espero ter excelentes números e conquistar títulos com o Fluminense", finalizou.