Topo

Esporte


Neymar chegou ao PSG ouvindo "Aquarela do Brasil" e pode sair sendo xingado

Faixa exibida na apresentação de Neymar no PSG - Xavier Laine/Getty Images
Faixa exibida na apresentação de Neymar no PSG
Imagem: Xavier Laine/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

13/08/2019 04h00

Rodeado de crianças, um Neymar sorridente acompanhava os "ultras" do PSG cantarem seu nome ao som de "Aquarela do Brasil", na apresentação do jogador ao clube, em agosto de 2017. O clima de lua de mel mudou totalmente em apenas dois anos, e a canção de Ary Barroso deu lugar aos xingamentos na boca dos torcedores.

Na estreia do clube no Campeonato Francês, domingo (11), os torcedores não perdoaram Neymar. Cortado do jogo contra o Nîmes para "definir seu futuro", o brasileiro foi xingado e provocado com a recente acusação de estupro envolvendo a modelo Najila Trindade - o inquérito foi arquivado pela Justiça brasileira.

A provocação começou antes mesmo de a bola rolar. Uma faixa com a frase "vaza, Neymar" foi estendida nas arquibancadas do Parque dos Príncipes. Com o jogo já iniciado, um canto em espanhol em direção ao camarote deixava clara a insatisfação dos torcedores com o atacante: "Neymar filho da p...".

Em outra série de faixas estendidas pela torcida, a acusação de estupro era lembrada. Em tradução livre, os torcedores diziam que Najila era "uma prostituta" e que Neymar "havia apanhado dela".

A hostilidade da torcida reflete dois anos turbulentos de Neymar no PSG. Machucado nas duas eliminações do PSG na Liga dos Campeões, o brasileiro esgotou a paciência dos torcedores ao avisar o diretor Leonardo que não queria mais permanecer no clube.

Se a canção feita em homenagem a Neymar na apresentação em 2017 lembrava o amor ao Brasil e à nova estrela que desembarcava em Paris, o que resta agora é o ódio de uma torcida que se sentiu traída pelo atacante.

Sem clima para continuar no PSG, Neymar é disputado por Barcelona e Real Madrid, de acordo com a imprensa internacional.

REUTERS/Christian Hartmann
Imagem: REUTERS/Christian Hartmann

Errata: o texto foi atualizado
Foi informado incorretamente que o compositor de Aquarela do Brasil seria Toquinho. O certo é Ary Barroso.
ESPN, Ei PLus e Fox Sports

Assista aos jogos e programas de ESPN, EI Plus e Fox Sports sem TV a cabo.

Mais Esporte