OPINIÃO: Messi levará a Bola de Ouro nesta segunda-feira

Messi é o grande favorito a levar a quinta Bola de Ouro para casa. Na disputa com Neymar e Cristiano Ronaldo, o argentino aparece como o virtual campeão do prêmio de Melhor Jogador do Mundo em 2015 e não deve ter dificuldade de confirmar isso nesta segunda-feira, em cerimônia realizada pela Fifa em Zurique, na Suíça.

O LANCE! ouviu a opinião de quatro jornalistas sobre o tema: Bruno Sturari, do Olé (ARG), Jose Carlos Freitas, do Record (POR), Paco Aguillar, do Mundo Deportivo (ESP) e o colunista Roberto Assaf. Confira abaixo quais são as impressões deles sobre quem será o vencedor da Bola de Ouro:

Bruno Sturari (OLÉ)

Aqui na Argentina não há dúvidas de que Messi será escolhido pela quinta vez como o melhor jogador do mundo. Ele fez por merecer. Ganhou cinco títulos, liderou o Barcelona em momentos decisivos e foi mais uma vez a astro da companhia. O grande jogador do país nos últimos anos retomará o trono e não devolverá tão cedo a Cristiano Ronaldo.

Por falar no atacante do Real Madrid, é injusto que o português ocupe o lugar de Suárez na votação da Fifa. O uruguaio foi sublime ao lado de Messi e Neymar. A questão é que o charrúa não tem o mesmo marketing do camisa 7 dos Blancos.

Mas, já que Cristiano entrou na disputa, creio que é razoável que ocupe a terceira colocação. A segunda fica com Neymar, que pode chegar ao lugar mais alto em alguns anos.

Messi foi soberano, fantástico e determinante. Os dois meses afastados por uma lesão e a derrota para o Chile na Copa América não tiram o brilho das jogadas de 2015. O drible sobre Boateng na semifinal Champions, a arrancada contra a defesa do Athletic Bilbao na final Copa do Rei, os gols, as faltas precisas... Tudo ficará eternizado

Paco Aguillar (MUNDO DEPORTIVO)

?Sem dúvida, Messi fez um 2015 extremamente superior em relação aos concorrentes. O argentino segue como um jogador fundamental para o Barcelona, e ajudou os catalães a ganharem cinco troféus em seis disputados na temporada.

Não há dúvidas de que Neymar segue em um bom caminho para suceder Messi, tanto que fez um ano superior a Cristiano Ronaldo e mereça ficar com segundo lugar. Só que o brasileiro ainda está muito longe de ter o futebol de Messi, que foi sempre decisivo nas partidas que o Barcelona precisou dele.

Roberto ASSAF (COLUNISTA DO LANCE!)

?Cristiano Ronaldo, Messi ou Neymar. Será um deles, é claro. O brasileiro está jogando muito, mas ainda não mostrou amadurecimento suficiente para merecer o prêmio, vide a confusão que aprontou na Copa América do ano passado, e o fato de receber cartões amarelos, no Espanhol e na Liga dos Campeões, com alguma frequência. E no entanto, se a prioridade absoluta for o futebol, Neymar tem a mesma possibilidade de ganhar.

De qualquer forma, vale lembrar que o português não tem contado muito com o auxílio assíduo de outros dois craques, no caso do Brasileiro, Messi e Suarez, e no do argentino, Neymar e Suarez. Detalhe: os dois jogadores do Barcelona conquistaram tudo, incluindo Europa e Mundial, o que lhes dá mais chance de levar a bola para casa.

Jose Carlos Freitas (RECORD)

?Quem nasceu primeiro, o ovo ou a galinha? Quem é melhor, Messi ou Cristiano Ronaldo? Ou Neymar? Você pode passar horas, dias, semanas discutindo e não chegar a acordo com o seu amigo do lado. Messi deverá receber mais um prêmio de Melhor Jogador do Mundo atribuído pela FIFA e será com todo o mérito que isso vai acontecer.

Cristiano Ronaldo pode ter tido um ano de altos e baixos, mas continuou a ser um gigante no Real Madrid. Neymar sem dúvida explodiu em definitivo e provou aos torcedores do Barcelona que tem qualidade para discutir com os melhores. Mas o português e o brasileiro terão de tirar o chapéu ao argentino.

E continuará a ser assim nos próximos anos, uma luta Leo Messi e Cristiano Ronaldo para todos nós, amantes do futebol, discutirmos qual deles é o melhor. Os dois e nenhum, digo eu. O que os separa não é o talento extraterrestre que qualquer um deles coloca em campo, mas sim . as suas equipas. É aí, na diferença do acompanhamento que ambos têm no Barcelona e no Real Madrid, que está a verdadeira diferença entre os dois.

Os números estão aí para o provar: desde que chegou ao Real Madrid, na temporada 2009/10, Cristiano Ronaldo ganhou apenas sete troféus com a sua equipe e entre eles só um título de campeão de Espanha. Isto é, no período em que tem o melhor marcador da sua história (Cristiano Ronaldo) o Real Madrid ganhou apenas uma vez o campeonato do seu país! No mesmo espaço de tempo, o Barcelona de Messi arrebatou 14 títulos diferentes, entre eles quatro ligas espanholas. Só mais um número: nesse período, Ronaldo marcou 339 gols pelo Real Madrid e Messi 347 pelo Barcelona - estão tecnicamente empatados.

Assim, e se o futebol é uma mistura de jogo coletivo aprimorado pelo talento inpidual de alguns superdotados, melhor se percebe que o título de Melhor do Mundo seja para Lionel Messi. Não podia ser de outra forma.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos