Tiradentes volta à elite cearense após Guarany de Sobral falsificar documentos

O Campeonato Cearense-2016 segue repleto de polêmica antes mesmo de a bola rolar, o que acontecerá no próximo sábado. A primeira ocorreu após o Tiradentes, campeão da Segundona de 2015, ter perdido o direito de participar da elite deste ano por não entregue no período determinado pela Federação Cearense de Futebol (FCF) as certidões negativas de débitos - garantindo o Itapajé em seu lugar. Eis que, na última quinta, o Tigre da Polícia Militar voltou à elite graças ao rebaixamento do Guarany de Sobral, o único time cearense campeão brasileiro (Série D de 2010).

O Tiradentes já tentava disputar a elite estadual após ter acionado o Tribunal de Justiça Desportiva de Futebol do Ceará (TJDF-CE), por entender que estava em dia com suas obrigações e que a federação local havia feito uma "canetada".  Diante do Departamento Jurídico da entidade, o clube conseguiu provar a adesão ao Programa de Modernização da Gestão e de Responsabilidade Fiscal do Futebol Brasileiro (Profut).

O retorno do clube ganhou "corpo" de vez a partir da última quarta, quando o TJDF-CE recebeu a denúncia de o Guarany de Sobral havia falsificado os documentos entregues à federação. A federação, então, pediu um prazo de 24h para analisar os documentos do Cacique do Vale. 

Em entrevista coletiva ocorrida na última quinta, na sede da FCF, foi anunciado que as certidões entregues pelo time de Cacique do Vale eram, de fato, falsas - o que também deverá fazer o clube ser alvo de investigação criminal e da Polícia Civil. Quem ficou com a vaga do Guarany foi justamente o Tiradentes, que, de acordo com a FCF, "comprovou que está regularizado e apresentou toda a documentação exigida pela Lei, inclusive o pagamento de parcelas realizadas em novembro do ano passado", o que não era uma realidade em 29 de dezembro, quando foi comunicado o seu "rebaixamento financeiro" exatamente por não estar em dia com suas obrigações.

Além de ser o novo representante da Segundona, o Guarany - que terminou o Estadual-2015 na sétima colocação -, ainda perdeu a vaga que tinha na Copa do Brasil deste ano, após ter conquistado a Copa Fares Lopes-2015 diante do Guarani de Juazeiro. A tendência é que o time de Juazeiro seja o terceiro representante cearense na competição - os outros são Ceará e Fortaleza - e enfrente o Coritiba na primeira fase da competição.

ITAPAJÉ SEGUE NA ELITE APÓS A VOLTA DO TIRADENTES

Após o Tiradentes não ter entregue os documentos dentro do prazo ainda em dezembro, Maracanã, terceiro colocado na Segundona-2015, foi procurado para substituir o Tigre da PM, mas declinou do convite. Foi assim que o Itapajé, o quarto colocado, ingressou na elite estadual para esta temporada. O Galo da Serra, fundado em 1998, "conquistou" novo acesso após ter sido vice da Terceirona de 2014. Ou seja: serão três pisões diferentes em três anos.

ESTREIA DO TIRADENTES CONTRA O CEARÁ

Com a punição imposta em um primeiro momento ao Tiradentes, o Itapajé assumiu a tabela do Tigre da PM. Já desde a última quinta, com o rebaixamento do Guarany de Sobral, o Tiradentes voltou ao Grupo B da competição no lugar do Cacique do Vale e, agora, terá o Ceará, no próximo dia 24, como primeiro rival. O Estadual terá início no próximo sábado, dia 16, com o duelo entre Itapipoca e Uniclinc, no Junco. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos