Trio equatoriano apitará estreia do São Paulo na Libertadores

A Conmebol definiu e pulgou nesta sexta-feira os trios de arbitragem dos seis jogos de ida da fase preliminar da Copa Libertadores da América. E na estreia do São Paulo na competição, diante dos peruanos do Cesar Vallejo, em 3 de fevereiro, o comando da partida ficará sob responsabilidade do árbitro Roddy Zambrano e dos auxiliares Luis Vera e Juan Macias, todos do Equador. O confronto acontecerá na cidade de Trujillo, às 21h45 (de Brasília).

O anúncio foi feito pelo site oficial da Conmebol e mostra que haverá um trio de brasileiros na escala da primeira rodada da Libertadores: o carioca Péricles Bassols Cortez terá a companhia de Kléber Lúcio Gil, de Santa Catarina e Rodrigo Correa, também do Rio de Janeiro, no embate entre Oriente Petrolero (BOL) e Independiente Santa Fé (COL), no dia 4 de fevereiro - o vencedor desse duelo entra no Grupo 8, que tem o Corinthians como cabeça de chave.

A lista segue com: os chilenos Patricio Polic, Carlos Astroza e Christian Scheimann apitam Huracán (ARG) e Caracas (VEN) em Buenos Aires; os argentinos Patricio Loustau, Gustavo Rossi e Lucas Germanotta cuidam do confronto, em Montevidéu, entre River Plate (URU) e Universidad de Chile - levará o vencedor ao Grupo 2, do Palmeiras - e, por fim,  os uruguaios Daniel Fedorczuk, Miguel Nievas e Carlos Pastorino comandam, em Quito, o duelo entre Independiente del Valle (EQU) e Guaraní (PAR), que dá vaga no Grupo 5, onde está o Atlético-MG.

As partidas de volta da fase preliminar estão agendadas para os dias 9, 10 e 11 de fevereiro. O São Paulo, por exemplo, recebe o Cesar Vallejo no dia 10, mas no Pacaembu. Isso porque o gramado do Morumbi passa por grande reforma estrutural e só deve ficar pronto na segunda quinzena de fevereiro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos