Simeone desconversa sobre punição e Zidane se revolta: 'Um absurdo'

Real Madrid e Atlético de Madrid souberam nesta semana que não poderão contratar nas duas próximas janelas de transferências. Os dois rivais sofreram uma punição da Fifa por alegadas irregularidades em negociações com jovens jogadores, assim como já aconteceu com o Barcelona. Os técnicos das equipes da capital espanhola falaram sobre o assunto neste sábado e tiveram reações diferentes. Enquanto Zidane, que tem os seus filhos entre os envolvidos, mostrou-se chateado, Diego Simeone prefere aguardar.

- Isso me parece absurdo. Estou a vida toda aqui, com minha família e meus filhos, vai se resolver... Sabemos o que aconteceu e tudo vai se resolver na semana que vem. Não estou irritado, mas não posso impedir. Há coisas que são difíceis de aceitar. Estou tranquilo - disse Zinedine durante entrevista coletiva neste sábado:^

- Só o que posso fazer é falar. Eu não vou fazer nada, o clube vai fazer, porque não só estão ali os meus filhos, mas também outros garotos.

Já Diego Simeone prefere esperar a definição de tudo, já que cabe recurso, para falar o que o clube pretende fazer, e sobre as suas impressões sobre o caso.

- O clube vai recorrer desta punição. Tem uma semana e eu me concentro na partida de amanhã (domingo, contra o Las Palmas fora de casa). Não vou me desgastar neste momento com este tipo de situação. Ao recorrer, coisas diferentes podem acontecer - disse El Cholo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos