Justiça marca julgamento de Messi para as vésperas da Copa América

Lionel Messi e seu pai, Jorge, serão julgados pela Justiça da Espanha nos dias 31 de maio e 1, 2 e 3 de junho por crimes contra a Fazenda. O fim do julgamento coincide com o início da Copa América Centenário, que será realizada nos Estados Unidos. A Argentina, do craque do Barcelona, estreia no dia 6. Outra curiosidade é que a final da Liga dos Campeões será no dia 28 de maio, em Milão. Ou seja, três dias antes.

A promotoria pede 18 meses de prisão para o pai do camisa 10 do Barcelona, por evasão de 4,1 milhões de euros (R$ 18,2 milhões) em impostos devidos à Fazenda do país. A acusação contra Messi deve ser arquivada, uma vez que os promotores entendem que o jogador não tinha ciência da fraude.

Apesar disso, a Advocacia Geral do Estado manteve a acusação e exige 22 meses de prisão para pai e filho, por três infrações contra a Fazenda.

Jorge Messi assumiu a responsabilidade por gerir a questão tributária do jogador. Mas a confissão diante do juiz não foi suficiente e o craque foi imputado na causa, em uma decisão que teve respaldo da audiência de Barcelona.

Ainda não se sabe se o Barcelona estará na final da Liga dos Campeões, no dia 28 de maio. Os catalães vão enfrentar o Arsenal nas oitavas de final da competição e ainda têm um árduo percurso até a decisão. Já na Copa América, a presença de Messi é garantida entre os convocados de Tata Martino. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos