De volta aos gramados, Maicon celebra atuação em 'prova de fogo'

  • Lucas Uebel/Divulgação Grêmio

O empate do Grêmio com o Danubio (URU) neste sábado, em Porto Alegre, teve um gosto especial para o volante Maicon. Por conta de uma lesão no tornozelo esquerdo, o capitão perdeu as últimas rodadas do Brasileirão e não entrava em campo desde o dia 25 de outubro de 2015.

Após o amistoso, Maicon comemorou o retorno aos gramados e destacou o fato de ter atuado os noventa minutos diante do Danubio sem sentir dores.

"Estava há muito tempo sem jogar. Pude voltar 100%. Esse jogo foi minha prova de fogo e aguentei o jogo inteiro, o tornozelo não doeu. Agora, é trabalhar a semana, que temos um ano longo", disse Maicon.

O Grêmio agora se prepara para a estreia na Liga Sul-Minas-Rio, diante do Avaí na quinta-feira, em Chapecó. Maicon reforçou que o time está preparado para a temporada e se colocou à disposição do técnico Roger Machado.

"Estamos em um nível muito bom. A pré-temporada foi muito boa, fizemos treinamentos físicos muito fortes. Às vezes, se treina muito, se joga 30 minutos e está morto. Com um jogo atrás do outro, você vai ganhando condicionamento físico e aguenta até o final do ano", disse, antes de completar:

"Eu quero jogar todos os jogos, é importante estar sempre jogando. Temos um grupo forte. O Roger vai ver durante a semana que jogadores vão atuar. Quem jogar vai representar bem a camisa do Grêmio", afirmou o capitão do Grêmio.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos