Ex-presidente do Arsenal chama Diego Costa de 'trapaceiro'

  • JUSTIN TALLIS / AFP

O nome de Diego Costa não soa bem pelos lados do Emirates. Nos dois últimos jogos entre Chelsea e Arsenal, o atacante foi o grande personagem, principalmente pelas polêmicas em campo. No último deles, vitória por 1 a 0, o brasileiro fez o gol da vitória dos Blues e ainda participou do lance que gerou a expulsão de Mertesacker. Jornais ingleses afirmaram que o atacante simulou grave lesão na jogada com o zagueiro dos Gunners e que ele não teria sido acertado.

O ex-presidente do Arsenal, Peter Hill-Wood, fez duras críticas a Diego Costa, que foi chamado de 'trapaceiro'.

"Ele é um trapaceiro de série. Diego Costa rolou no chão como se suas pernas tivessem sido cortadas. Depois que o árbitro mostrou o cartão vermelho, ele ficou bem novamente", disparou o ex-dirigente.

Quem também criticou o atacante foi o técnico do Arsenal, Arsène Wenger. Ele comentou que Diego Costa conseguiu a expulsão dois atletas do Arsenal nas duas últimas partidas entre as equipes. No primeiro turno, em Stamford Bridge, o zagueiro Gabriel Paulista levou o vermelho após confusão com o compatriota.

"Acho que foi rápida e dura a expulsão. Não sei se Diego Costa estava impedido, se Mertesacker tocou ou não nele. Diego Costa conseguiu expulsar dois jogadores nossos nos últimos dois jogos contra o Chelsea.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos