Irmãos capixabas estão garantidos nas semifinais do CBVP

As semifinais da 6ª etapa do Circuito Banco do Brasil Nacional foram definidas nesta quarta-feira, no Rio de Janeiro. Foram disputadas 34 partidas nos dois naipes na Escola de Educação Física do Exército, na Urca. Dentre os destaques, está a classificação de dois irmãos às semifinais. Fábio Luiz, medalhista olímpico nos Jogos de 2008, e Fernandão, poderão se enfrentar em uma eventual final, caso vençam seus duelos.

Os jogos seguem nesta quinta-feira, a partir das 9h20, com entrada franca à torcida. As semifinais masculinas terão Fernandão/Marcus Borlini (ES) enfrentando Gilmário/Daniel Lazzari (PB/SC); e Fábio Luiz/Éder (ES/MG) contra Vinícius e Márcio Gaudie (RJ). Já o torneio feminino terá os seguintes confrontos nas semifinais: Eunyce e Bárbara (AL/RJ) encara Luiza Amélia/Luciana (CE), e Mayana/Solange (TO/DF) joga contra Rafaela/Fabíola (PA/DF).

Três times chegam invictos às semifinais no torneio masculino. Vinícius/Márcio Gaudie (RJ) venceu os dois duelos da fase de grupos, e nas quartas de final superou Vitor Micael/Luccas (DF) por 2 sets a 0 (21/16, 21/16). Fábio Luiz/Éder (ES/MG) também teve dois triunfos na primeira fase e eliminou Richards/Pedro Marins (MG/RJ) nas quartas, por 2 sets a 0 (21/14, 21/15), garantindo presença entre os quatro melhores.

Fernandão e Marcus (ES), única dupla que veio do qualificatório, também passou com duas vitórias na chave, e na sequência eliminou Alexandre/Maia (RJ) por 2 sets a 1 (17/21, 21/19 e 15/9). Gilmário e Daniel Lazzari (PB/SC), que tiveram uma derrota na fase de grupos, se recuperaram na fase seguinte e eliminaram nas quartas Ferramenta e Jeremy (RJ) por 2 sets a 0 (23/21, 24/22).

Entre as mulheres, apenas duas duplas chegam invictas. Eunyce e Bárbara (AL/RJ), único time entre as quatro melhores que veio do qualificatório, tiveram dois triunfos no grupo e eliminaram nas quartas de final Paula Hoffmann/Juliana Simões (RJ/PR) por 2 sets a 0 (21/16, 21/15). Fabíola e Rafaela (PA/DF) também chegam com 100% de aproveitamento. Na fase eliminatória, a paraense e a brasiliense superaram Haissa/Rosimeire (MS/AL) por 2 sets a 0 (21/9, 21/18)

Luiza Amélia e Luciana (CE) sofreram um revés no primeiro jogo pela primeira fase, mas se recuperaram e nas quartas de final venceram Victoria/Sandressa (MS/AL) por 2 sets a 0 (21/19, 22/20). Mayana e Solange (TO/DF) também tiveram uma derrota no dia, mas conquistaram importante vitória na fase seguinte sobre Andrea Teixeira/Leize (SC), por 2 sets a 0 (21/14, 21/17) avançando às semis.

O time campeão de uma etapa do Nacional recebe R$ 7.250 e todas as equipes da fase de grupos são premiadas. Apesar de não garantir classificação direta ao Circuito Brasileiro Open, às duplas campeãs de uma etapa do Nacional fazem mais pontos (260) do que o quinto colocado de uma etapa Open (240). Com isso, a tendência é que ao longo do ano ocorram persas trocas de posições entre duplas de ambos os circuitos.

O Circuito Banco do Brasil Nacional já passou por Rio de Janeiro, Salvador (BA), Brasília (DF), novamente Rio de Janeiro (RJ) e Maringá (PR) em 2015. Após a competição na Urca, serão realizadas outras duas etapas: Saquarema (RJ), de 15 a 17 de fevereiro, e Fortaleza (CE), de 19 a 21 de abril.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos