Com nova proposta de trabalho, técnico e auxiliar dividem tarefas no Nova Iguaçu

Depois das semanas inicias com ênfase nas avaliações e treinos físicos, sem esquecer do trabalho com bola, a comissão técnica do Nova Iguaçu começou a priorizar os treinos técnicos e táticos, faltando cerca de 40 dias para a estreia na Série B do Campeonato Carioca. E para otimizar esse processo, o técnico Edson Souza conta com a importante ajuda do auxiliar Robson Gabriel.

Na grande maioria dos trabalhos táticos, principalmente naqueles de campo reduzido, quando o grupo é pidido, Edson e Robson repartem as tarefas e ficam responsáveis por determinados setores. Apesar de entrosados, é a primeira vez que os dois trabalham juntos. Se Edson está em sua terceira passagem no clube, Robson Gabriel está "estreando" no Nova Iguaçu.

- Conheço o Edson há muito tempo, já jogamos contra muitas vezes. Já vínhamos tentando essa parceria há algum tempo. Está sendo um prazer, estou tendo um aprendizado muito grande. Antes de todo treinamento nós conversamos e pidimos as tarefas. O trabalho é comandado por ele, mas nós chegamos lá dentro e aplicamos. Como já fui treinador, tenho facilidade para ajudá-lo nisso - afirmou Robson.

Ex-jogador, Robson Gabriel foi técnico do Madureira e da equipe sub-23 do Al-Nassr, da Arábia Saudita, entre outros clubes. Com postura serena, ele acaba sendo uma extensão em campo do técnico Edson Souza. No treino da última quarta-feira, por exemplo, ele ficou responsável pelo grupo que treinava de um lado, enquanto Edson ficava mais perto de outra parte do elenco.

- Naquele dia ele deu ênfase ao trabalho de balanço, a parte da linha de quatro no meio foi trabalhada por mim, e o Edson pegou mais os zagueiros e os atacantes. Antes do treino, discutimos qual setor vamos pegar e qual vai ser o objetivo do trabalho. Acho que as coisas estão fluindo bem, e esperamos no decorrer dos trabalhos poder estar ainda mais afinados - contou Robson.

Colecionador de persos títulos pelo Nova Iguaçu e técnico na melhor campanha do clube na história da Série A do Estadual, em 2014, Edson Souza elogiou muito o trabalho de Robson Gabriel e aposta no sucesso dele até mesmo como treinador do clube num futuro próximo.

- Sempre tive vontade de trabalhar com o Robson. Hoje no futebol você precisa ter do seu lado alguém competente, que venha com vontade de aprender, de vencer, de se reciclar. O Robson tem a cabeça aberta para esse lado. Já tenho convivência aqui no Nova Iguaçu de uns cinco anos, já conhecemos o clube, e o Robson pode ter certeza de que amanhã pode ser uma pessoa que vai ter uma oportunidade aqui. A gente se assemelha bastante - disse Edson.

O Nova Iguaçu encerra sua terceira semana de treinamentos com um trabalho técnico-tático neste sábado, às 9h, no Centro de Treinamento do clube. A estreia na Série B do Campeonato Carioca está marcada para o dia 5 de março, contra o Goytacaz, no Estádio Laranjão, na Baixada Fluminense. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos