Real pode assinar contrato recorde com a Adidas e passar o United

  • REUTERS/Andrea Comas

A Adidas já está dominando o mercado de fornecimento de uniformes para clube nos últimos anos, e pode aumentar isso ainda mais. De acordo com o jornal "Marca", os Merengues estão próximos de assinar um novo acordo com o Real Madrid, que será o maior patrocínio de camisas do mundo, deixando o acordo da própria empresa alemã com o Manchester United para trás.

Segundo a publicação, o atual acordo vai até junho de 2020, e o novo compromisso viria para ocupar este contrato e durar por 10 anos. Caso o Real Madrid cumpra todas as metas estipuladas, o valor por chegar a 1,4 bilhão de euros (R$ 6 bilhões) por uma década.

Caso o acordo seja firmado, a Adidas ficará com quatro dos cinco maiores contratos de uniformes. O Manchester United viria atrás dos Merengues levando 98 milhões de euros (R$ 424 milhões) por temporada, seguidos pelo Bayern de Munique, com 80 milhões de euros (R$ 346 milhões) por ano, Arsenal com a Puma por 39 milhões de euros (R$ 169 milhões) pelo mesmo período, valor igual ao do Chelsea, que também é da marca das três listras.

Só depois destes todos que vem a Nike e o Barcelona. A marca americana paga 32 milhões de euros (R$ 138 milhões) ao clube catalão, mesmo valor da New Balance com o Liverpool. A tendência é que o Barça, que tem contrato de fornecimento até 2018, reajuste este valor no futuro, com forte possibilidade de até ultrapassar o Real Madrid.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos