Jogador prega a paz na Turquia e é punido por falta de espírito esportivo

  • Evrensel/Reprodução

    Denis Naki (foto) foi punido por propaganda ideológica

    Denis Naki (foto) foi punido por propaganda ideológica

O jogador Deniz Naki, nascido na Alemanha e que defende o Amedspor, da terceira divisão da Turquia, foi punido por falta de espírito esportivo. O alemão pegou 12 jogos após conceder uma entrevista ao jornal pró-curdo Evrensel pedindo a paz no país e o fim dos combates entre as facções no país.

O jogador fez um apelo para que os conflitos entre as forças de segurança e os rebeldes do partido curso parem. Acabou que a Federação Turca de Futebol (TFF) considerou a atitude de Naki como propagando ideológica e contrária ao espírito esportivo.

Além de pegar o gancho de 12 jogos na Turquia, Naki - que foi revelado pelo Bayer Leverkusen - ainda terá que pagar uma multa de 19,5 mil libras turcas (R$ 28 mil).

O Amedspor está no Grupo Vermelho da Terceira Divisão e ocupa a oitava colocação com 25 pontos, dois a menos que a zona de classificação para o playoff de acesso à Segunda Divisão.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos