Presidente do Inter diz que 'risco alto' fez clube desistir de atacante

A tentativa frustrada do Internacional em contratar Henrique Almeida não passou em branco pelo presidente do clube, Vitorio Piffero. Dois dias depois de o Colorado desistir seu negócio e ver seu maior rival, Grêmio, acertar com o atacante, o dirigente disse que o "risco" impediu que as tratativas chegassem ao final:

- O Henrique Almeida foi formado pelo São Paulo e passou emprestado por vários clubes. Tentamos um acordo com Botafogo, São Paulo e jogador. O risco era alto e decidimos não contratá-lo - afirmou, à Rádio Gaúcha.

Questionado sobre a possibilidade de Robinho desembarcar no Beira-Rio, Piffero foi taxativo:

- Não estamos atrás de marketing. Estamos atrás de títulos.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos