Após lesão de volante, dirigente do Grêmio detona gramados do Gauchão

Nem tudo foi motivo de comemoração para o Grêmio após a vitória de 1 a 0 sobre o Veranópolis, nesta quarta-feira. O volante Moisés saiu de campo lesionado, com suspeita de ruptura do ligamento do joelho, e pode ficar um bom tempo sem jogar. O diretor-executivo do Grêmio, Rui Costa, detonou os gramados do Campeonato Gaúcho, já que o Tricolor gaúcho já teve jogadores machucados em situação semelhante.

- Preciso me preocupar com o Moisés, que sentiu uma lesão aparentemente séria. Temos que repensar o Gauchão, os gramados ruins, não é à toa que o Ramiro também se lesionou numa situação assim, e a única mácula é essa. Nos incomoda ver um menino passar por algo assim - disparou Rui Costa.

O lance em que Moisés se lesionou aconteceu no final do primeiro tempo. Ao tentar parar um lance de ataque, ele acabou torcendo o joelho.

Antes de Moisés, o Imortal já tinha perdido mais dois volantes: Ramiro e Wallace por conta de lesão. O primeiro teve uma entorse no tornozelo e o outro também lesionou o joelho.

Apesar das críticas de Rui Costa aos gramados do Gauchão, a lesão de Ramiro aconteceu em um jogo da Primeira Liga, na Arena Condá, em jogo contra o Avaí.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos