Histórias, jejum e goleada: o Clássico dos Milhões em São Januário

 

O Clássico dos Milhões entre Vasco e Flamengo é carregado por milhares de histórias. Muitas delas tiveram São Januário como parte do protagonismo do caso. Hoje, às 17h, as equipes se enfrentam no estádio pela 35ª vez, pela quarta rodada do Campeonato Carioca, e prometem reviver a rivalidade escrevendo mais um capítulo da grande história. 

 

Dos 34 Clássicos dos Milhões disputados em São Januário, o Vasco leva a vantagem. Foram 15 vitórias, contra nove empates e dez vitórias do Flamengo. O primeiro jogo aconteceu no dia 15 de maio de 1927, com a vitória vascaína pelo placar de 3 a 1. Ao todo, 66 gols do Vasco foram marcados, contra 51 do Rubro-Negro.

 

Até os dias de hoje, várias curiosidades aconteceram nos Clássico dos Milhões. Em 1931, foi em São Januário que aconteceu a maior goleada da história do jogo entre Vasco e Flamengo, com vantagem para os mandantes. Na ocasião, a equipe derrotou o Rubro-Negro por 7 a 0, com Russinho fazendo quatro dos gols.

 

A última vitória do Flamengo em São Januário sobre o Vasco aconteceu em 1973. O Clássico dos Milhões da ocasião foi em 21 de janeiro, e o gol solitário da vitória rubro-negra foi marcado por Caju, roubando a cena do então estreante Dadá Maravilha.

 

Técnico do Vasco, Jorginho comentou sobre a realização do clássico em São Januário. O atual comandante vascaíno destacou a vantagem de poder jogar em casa e ainda pediu que os torcedores preguem a paz nesta marca para o esporte:

 

- Temos vantagem por treinarmos aqui. E a rivalidade é muito maior em um Vasco e Flamengo do que um Vasco e Corinthians. O torcedor é rival e não inimigo, temos que respeitar. Sabemos quantas vidas perdemos de bobeira, quantas mães choram, mas a vida é mais importante do que qualquer outra coisa.

 

Técnico do Flamengo, Muricy Ramalho também comentou sobre a realização do clássico em São Januário. O atual comandante rubro-negro disse que o Vasco terá certa vantagem, mas que o Clássico dos Milhões, no fim das contas, será decidido dentro das quatro linhas.

 

- Estão acostumados a treinar, é o campo deles, tudo favorece nesse sentido. Mas dentro de campo não tem favorito, os dois estão jogando bem, estão bem treinados. Mas, sem dúvida, jogar em casa é sempre bom - afirmou o treinador.

 

O 35º capítulo da história entre Vasco e Flamengo em São Januário tem todos os ingredientes para acirrar ainda mais a rivalidade. Uma história que não terá fim. Mas sempre com paz entre as torcidas.

 

VASCO X FLAMENGO

 

Data/hora: 13/2/2016

Local: São Januário, Rio de Janeiro (RJ)

Árbitro: Leonardo Garcia Cavaleiro

 

Vasco: Martín Silva, Madson, Rodrigo, Rafael Vaz e Julio Cesar; Julio dos Santos, Andrezinho, Mateus Pet (Eder Luiz) e Nenê; Jorge Henrique e Riascos. Técnico: Jorginho.

 

Flamengo: Paulo Victor, Rodinei, Wallace, Juan e Jorge; Márcio Araújo; Willian Arão, Mancuello, Marcelo Cirino e Emerson; Guerrero. Técnico: Muricy Ramalho. 

 

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos